Home / Notícias / Saúde e Bem-Estar / Prefeitura de Muriaé consegue transferir recém-nascido com risco de vida para BH

Prefeitura de Muriaé consegue transferir recém-nascido com risco de vida para BH

A Prefeitura de Muriaé conseguiu realizar a transferência de urgência de uma criança de 50 dias em estado grave, sofrendo de doença pulmonar, para uma UTI pediátrica em Belo Horizonte, na manhã desta quarta-feira (5). Ele precisa de assistência de pneumopediatra para conseguir sobreviver, atendimento específico que só pôde ser realizado na capital. A Prefeitura se mobilizou e conseguiu, junto ao Estado de Minas, a ambulância da Unimed e avião composto de UTI para que o bebê fosse atendido no Hospital Felício Roxo, em BH.

De acordo com o secretário de Saúde, Paulo César de Oliveira, o paciente recém-nascido precisa de cuidados urgentes. “Acreditamos que, em um hospital onde haja atendimento especializado em pneumopediatria, consigamos socorrer a vida deste bebê. Corremos contra o tempo para salvar a vida desta criança”, explicou.




O prefeito Grego conta que somaram esforços para ajudar a criança. “Torcemos para que o recém-nascido seja forte e resista bem. Trabalhamos intensamente, com tudo ao nosso alcance, para salvar esse bebê. Torcemos para que volte com saúde para nos alegrar”, disse.

Fonte: PMM




Confira também

Profissionais de saúde de Muriaé recebem capacitação sobre novas formas de vacinar

Novas medidas foram determinadas pelo Programa Nacional de Vacinação para 2019. Deste modo, a Secretaria …

Um comentário

  1. Parabéns Paulo Cesar.Lute para fazer o mesmo com tantos pacientes da nossa cidade que precisam de transferencia para tratar em outra cidade.doentes graves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *