Home / Notícias / Variedades / Dicas para comprar ovos de Páscoa e economizar

Dicas para comprar ovos de Páscoa e economizar

Ovos de Páscoa

A Semana Santa está se aproximando e junto chega a tradicional compra de ovos de Páscoa. Este ano os ovos de Páscoa estão mais caros e menores.




Segundo o professor de varejo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) Daniel Plá, os ovos mais caros são os que custavam no ano passado em torno de R$ 20, R$ 30 e R$ 40. Na Páscoa deste ano, esses ovos terão os preços ampliados para R$ 22 a R$ 23, R$ 35 e R$ 45, respectivamente. Do mesmo modo, os ovos menores, cujo preço variava entre R$ 3 e R$ 5 em 2012, sofrerão aumentos na mesma proporção.

Dicas para os consumidores:

  • Comprar ovos de chocolate pelo peso, pois as numerações indicadas pelos fabricantes nos rótulos não são equivalentes entre as marcas.
  • Observe no rótulo o prazo de validade e a indicação de temperatura para conservação.
  • Não compre produtos com embalagens danificadas.
  • Fique atento aos preços nas gôndolas, pois caso seja diferente do valor cobrado no caixa, vale o menor preço.
  • Exija sempre o cupom fiscal.
  • Para sua segurança verifique se o estabelecimento possui o selo da vigilância sanitária.
  • O Procon Assembleia não se responsabiliza pela qualidade do produto nem pelas alterações dos preços.
  • O consumidor deve ficar atento caso opte por versões “light” ou “diet” dos ovos de Páscoa convencionais. Isso porque as nomenclaturas “light” e “diet” não significam necessariamente que esses produtos sejam isentos ou tenham percentual reduzido de açúcar e energia.
  • Evite levar as crianças para as compras, pois a influência delas pode levar a gastos exagerados e desnecessários.
  • Nas embalagens dos ovos de Páscoa com brinquedos devem constar o selo do Inmetro e a idade recomendável para o brinquedo.
  • Ovos de Páscoa em promoção podem estar quebrados e por isso têm o preço mais em conta do que aqueles em perfeitas condições. Nesse caso, não há obrigação do fornecedor em trocar o produto.
  • Produtos fabricados artesanalmente, além de seguirem as mesmas regras de comercialização dos industrializados, também estão obrigados a fornecer nota fiscal. Ela é a principal garantia do consumidor em caso de troca ou reclamação.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do UOL e Assembleia de Minas




Confira também

Como o código universal de produto ajuda nas vendas

Está buscando mais informações sobre o que é o código universal de produto, acertei? Se …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *