Peça “Vertigem” será apresentada no Teatro Belmira Vilas Boas



Os alunos do curso “Montagem Teatral” da Escola Municipal de Teatro Gregório de Mattos Guerra, instituição mantida pela Prefeitura, serão protagonistas da peça “Vertigem”. A temporada de apresentações acontecerá nos dias 17, 18, 24 e 25 deste mês, às 20h, no Teatro Municipal Belmira Vilas Boas. Além de ser uma oportunidade para os alunos apresentarem ao público o que aprenderam durante as aulas, o evento é uma forma de oferecer aos muriaeenses lazer e acesso às artes.

Com texto e direção de Elielson Rodrigues, a proposta da peça é levar a plateia a refletir sobre as relações e fragilidade humanas. No palco, quatro atores (Andréa do Vale, Jackson Bani, Marcelo Guerra e Maria Azevedo) mostrarão suas angústias e desejos, em busca de um princípio: o afeto.

O prefeito Grego ressalta que a Administração está investindo na cultura para oferecer aos muriaeenses lazer e cultura. “Eventos como este são importantes para que os alunos das escolas de artes de Muriaé apresentem ao público o que aprenderam durante as aulas. Além disso, é uma oportunidade para que a população tenha acesso às diversas manifestações artísticas, seja no teatro, na música ou na dança”, diz.

Os ingressos estarão à venda por R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia) na bilheteria do teatro. Classificação indicativa: 16 anos.

Fonte: PMM

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.