Projeto pode facilitar a criação de ações para pessoas com deficiência em Muriaé



Os vereadores aprovaram por unanimidade, na reunião da última terça-feira (18), projeto de lei que cria o Cadastro Municipal das Pessoas com Deficiência de Qualquer Natureza, de autoria da vereadora Miriam Facchini. O texto, que segue agora para ser sancionado pelo prefeito Grego, tem a finalidade de centralizar as informações referentes às pessoas com deficiência em Muriaé, facilitando a realização de políticas públicas voltadas para elas.

A autora do projeto explica que o cadastro permitirá identificar e quantificar quem são, onde estão e quais são as necessidades específicas de cada muriaeense com deficiência. “A criação de uma identificação oficial facilita a vida dos participantes, no sentido de agilizar a comprovação da da deficiência para emissão de credenciais, por exemplo. Além disso, torna o sistema bem menos burocrático ao concentrar as informações em uma mesma base de dados”, destaca Miriam Facchini.

De acordo com o texto aprovado na Câmara, o cadastro deverá conter todas as informações necessárias para qualificar o tipo e o grau de deficiência, além de quantificar e localizar com precisão as pessoas participantes. A inscrição se dará de forma voluntária, a critério dos próprios interessados, e os dados informados serão utilizados exclusivamente para a formulação de políticas públicas.

Fonte: Miriam Facchini

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.