Resumo da novela A Escrava Isaura – 19/06 a 23/06



Confira o resumo dos próximos capítulos da novela A Escrava Isaura (de 19 de junho a 23 de junho), exibida pela Record, e fique por dentro dos principais acontecimentos desta semana.

Segunda-Feira, 19/06/2017 – Capítulo 116

Leôncio ameaça Isaura e Álvaro. Rosa continua com inveja de Isaura. Leôncio pede perdão e dinheiro a Malvina.

Raimundo pede perdão a André. Leôncio enlouquecido é expulso da fazenda.

Malvina sente pena de Leôncio. Branca pede ajuda a Estela para dizer que está grávida de Álvaro.

Miguel emociona-se com a vitória de Isaura. Leôncio vai-se embora a pé.

Isaura recebe a sua carta de alforria. Malvina despede-se de todos.

Leôncio implora a Malvina que o leve para falar com Sebastião. Isaura e Álvaro expulsam Francisco e Raimundo da fazenda.

André e Rosa beijam-se. Os quilombolas atacam a fazenda.

Malvina chega à fazenda de Sebastião acompanhada de Leôncio.

Terça-Feira, 20/06/2017 – Capítulo 117

Sebastião fica surpreso com a chegada de Leôncio. João chega à fazenda e recebe as boas notícias. Isaura dá a liberdade a todos os escravos da fazenda.

Henrique dá um soco em Leôncio. Sebastião furioso ameaça Leôncio com uma arma.

Todos comemoram a liberdade de Isaura. Os escravos festejam o lindu da liberdade.

Malvina pede a Sebastião para ajudar Leôncio. Sebastião dá uma mísera mesada a Leôncio.

Belchior leva o convite para o sarau de Isaura a Perpétua, Gioconda e Gabriel. Leôncio vai ao bordel.

Sebastião, Henrique, Helena e Aurora arramjam-se para o sarau. Malvina decide ir à festa comemorar.

Leôncio diz a Serafina que quer seus serviços de graça. Branca irrita-se com a liberdade de Isaura e ameaça matá-la.

Todos festejam a liberdade de Isaura, menos Rosa que está triste e Belchior que fica bêbado. Leôncio diz a Francisco e Martinho que planeja matar Álvaro e sequestrar Isaura.

Quarta-Feira, 21/06/2017 – Capítulo 118

Leôncio conversa com Francisco sobre Isaura. Álvaro e Isaura recebem amigos e familiares na fazenda para celebrarem a liberdade dos escravos e a união do casal. Rosa fica aborrecida por continuar escrava e Isaura ter conseguido sua carta de alforria.

Gioconda sente ciúmes do Cel. Sebastião com Perpétua.

Leôncio pede a arma de Francisco emprestada. Isaura emociona-se ao tocar piano para os convidados.

Rosa diz a Belchior que vai tentar conquistar Álvaro. Helena sente saudades de Diogo.

Branca decide ir ao sarau de Isaura dizer que está grávida de Álvaro. Geraldo decide ser o advogado de Malvina na separação judicial dela com Leôncio.

Rosa diz a Gioconda que o seu pai não a ama. Cel. Sebastião passa mal depois de ouvir desaforos de Rosa a seu respeito. Henrique sente ciúmes de Aurora com Álvaro.

Belchior pede conselhos ao Cel. Sebastião para conseguir conquistar mulheres.

Tomásia teme que Leôncio apronte algo. Francisco vende a sua arma a Leôncio.

Tomásia e Isaura falam dos seus sofrimentos. Tomásia diz-lhe que a sua vingança estará completa quando Leôncio estiver atrás das grades ou morto.

Quinta-Feira, 22/06/2017 – Capítulo 119

Isaura sugere a Tomásia que ela adote uma criança já que não pode engravidar.

Belchior pensa nas mulheres que nunca teve. Aurora toca piano na festa de Isaura.

Leôncio encontra Flor de Lis agride-a. Ela revolta-se e encosta uma garrafa partida ao pescoço dele.

O Sargento pede que ela abaixe a garrafa. Serafina sobe com Leôncio para a sua alcova.

Cel. Sebastião pede novamente Gioconda em casamento.

Tomásia insiste que Bernardo e Moleca estejam no seu casamento. Eles aceitam o pedido.

Geraldo diz a Malvina que ela é o amor de sua vida, mas ela pede paciência. Branca jura a sua mãe que Álvaro e Isaura não ficarão juntos se depender dela.

Tomásia elogia a festa de Isaura. Álvaro despede-se de Isaura para voltar à casa da Condessa.

Flor de Lis e o sargento beijam-se após uma conversa. Cel.

Sebastião fica curioso com as intenções de Geraldo com Malvina. Antes de se deitar, Isaura agradece o seu dia com uma oração.

Leôncio entra no quarto onde Isaura dorme e coloca-lhe uma faca no pescoço. Ele beija-a e deita-se ao lado dela.

Isaura acorda do pesadelo apavorada. Vai até à janela e verifica a tranca.

Diogo visita Helena mesmo estando foragido. Isaura conta a seu pai, sobre o pesadelo.

Na saída do bordel, Leôncio nega-se a pagar Serafina. As florzinhas da casa armam-se de canivetes.

Leôncio assusta-se.

Sexta-Feira, 23/06/2017 – Capítulo 120

Com medo de levar uma facada, Leôncio paga Serafina e vai-se embora. Joaquina chega para visitar Isaura. Isaura entrega a carta de alforria de Joaquina.

Tomásia pergunta a sua mãe sobre o seu casamento com o Cel Sebastião. Gioconda faz uma cara de mistério.

Serafina descobre que as suas jóias e dinheiro foram roubados. Ela decide então ir à Delegacia.

Leôncio cava um buraco para esconder as jóias de Serafina. Depois tapa o buraco.

Helena quer contar a verdade sobre o assassinato, mas Diogo não deixa. Pedrinho reencontra Isaura.

Serafina diz ao Sargento que fechará o seu bordel até que encontrem as suas jóias. Henrique pede Aurora em casamento durante um piquenique.

Gioconda aceita casar-se, mas impõe algumas condições. Geraldo escreve a carta de separação de Malvina.

Diogo e Helena conversam sobre a situação deles. Geraldo dá algumas esperanças a Helena sobre a situação de Diogo.

Branca trama um plano para separar Isaura de Álvaro. O Sargento chega na casa do Cel.

Sebastião. Diogo apresenta-se antes de começarem as buscas à sua procura.

Rosa decide atacar Álvaro para que Isaura acredite que ele não vale nada. Leôncio pede ajuda pra sequestrar Isaura.

Rosa pede um beijo a Álvaro.

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.