Dinheiro esquecido nos bancos: cuidado com o golpe no WhatsApp

Recebeu uma mensagem do Banco Central (BC) para consultar valores esquecidos no banco? É golpe! Entenda.

Cuidado com o golpe dos apps de mensagem

Desde que o Banco Central liberou a consulta ao dinheiro “esquecido” nos bancos pelos brasileiros, o número de golpes relacionados a isso tem pipocado.

Usando recursos visuais semelhantes ao do Banco Central e nome do domínio (endereço do site) parecido, os criminosos abordam as vítimas pelo WhatsApp para estimular o clique em um link malicioso ou até mesmo o envio de dinheiro.

Como funcionam esses golpes?

– “Saque de forma instantânea via Pix”;
– “Mais de 10 milhões de brasileiros já consultaram e sacaram”;
– “Faça um Pix de R$ 10 e resgate R$ 5 mil esquecidos”.

Ao clicar, você pode cair em sites falsos que podem infectar seu dispositivo e roubar seus dados.Veja, a seguir, algumas dicas do Banco Central para não cair nesse tipo de golpe.

O Banco Central nunca envia links nem entra em contato com o cidadão para tratar sobre valores a receber e/ou confirmar dados pessoais.

O BC não entra em contato

Ninguém está autorizado a entrar em contato em nome do Banco Central ou do SVR.

Nunca clique em links suspeitos enviados por e-mail; SMS; WhatsApp ou Telegram.

Não faça qualquer tipo de pagamento para ter acesso aos valores. Se pediram isso, é porque é golpe.

Nunca clique em links estranhos de comunicações pouco comuns. Apareceu uma mensagem que parece urgente, com uma vantagem exclusiva ou oferecendo um caminho mais fácil? Desconfie sempre. Na dúvida, entre em contato com os canais de atendimento oficiais da instituição.

Fonte: Nubank

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo