Morre homem que teve corpo queimado pela ex-namorada

Morreu nessa quarta-feira (30) o auxiliar de cozinha que teve 40% do corpo queimado pela ex-namorada. O caso aconteceu no último (26), no bairro do Rio das Pedras, na cidade do Rio de Janeiro.

Luan Henrique, de 27 anos, teria sido chamado pela ex-companheira para conversar na casa dela. Os dois teriam discutido e durante a briga a mulher jogou álcool e colocou fogo nele.

A vítima sofreu ferimentos graves e estava internado em estado grave no CTI do Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca.

Familiares e amigos chegaram a fazer uma vaquinha para transferir Luan para um hospital particular, mas ele não resistiu aos ferimentos.

O pai da vítima chegou a registrar a agressão contra seu filho como tentativa de homicídio. A ex do filho dele chegou a prestar depoimento, confessou o crime, mas foi liberada.

Luan era da Paraíba. Ele tinha ido tentar a vida no Rio de Janeiro, onde seu pai já morava há 23 anos.

Nas redes sociais, o pai de Luan lamentou a morte dele:

– Meu filho veio a óbito agora 18 horas, não resistiu aos ferimentos por conta de queimaduras muito graves que essa marginal cometeu contra ele. Ela agora tem que pagar pelo que fez. É a dor de um pai que tá sofrendo por ter perdido um filho tão jovem – disse.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do Jornal Meia Hora


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo