Muriaé fecha quase 30 vagas de emprego entre janeiro e março



A cidade de Muriaé está com saldo negativo no ano em geração de empregos. Segundo levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), entre janeiro e março foram fechados 28 postos de trabalho no município. O saldo é de 1.632 contratações e 1.660 demissões. Na zona da mata, Muriaé ocupa a 8ª posição no rank de criação de empregos no período

Na região, a cidade de Ubá lidera criação de empregos entre janeiro e março. Foram 2.989 contratações e 2.426 demissões, saldo de 563. Em seguida aparecem as cidades de Juiz de Fora (saldo de 416), e Viçosa (saldo de 179). Os municípios de Cataguases (saldo 53) e Além Paraíba (saldo -25) também aparecem a frente de Muriaé. Em Leopoldina também foi registrado um saldo semelhante a Muriaé, com fechamento de 28 postos de trabalho.




As cidades da zona da mata que mais perderam postos de trabalho no período foram Santos Dumont (saldo -36) e Visconde do Rio Branco (saldo -127).

Fonte: Guia Muriaé, com informações do G1

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.