Pingos de abóbora e mamão: doçuras dos quintais de Belisário em Muriaé

O chef de cozinha Eduardo Avelar, através do site Territórios Gastronômicos, vinculado pelo grupo Diário Associados (o mesmo que publica o jornal Estado de Minas), destacou recentemente quitutes diretamente da zona rural de Muriaé.

Tratam-se de pingos de mamão e de abóbora produzidos no distrito de Belisário. A receita foi fornecida por José Rodrigues Calais e sua mãe Josina Rita Coelho. Eles costumam vender o doce pelas ruas da cidade. Além dos “pingos”, vendem produtos como produtos broas, paçocas, mandioca e polvilho.

Josina aprendeu a cozinhar com a mãe e hoje, passa todo o aprendizado aos filhos. José mora a apenas quatro quilômetros da mãe e ambos cultivam uma horta e dividem tachos e colheres da cozinha. “A gente junta nossos produtos e vêm para cá. Acompanho-a desde os 15 anos”, conta José. Além dos conhecimentos, parece que ele já reproduz todo o amor que Josina tem pela arte de cozinhar. Sentimento que não pode faltar a nenhuma iguaria.

José Rodrigues Calais e Josina Rita Coelho

Confira abaixo as receitas:

Ingredientes

Pingos de abóbora

– 500 g de açúcar cristal

– 1 kg de abóbora moranga madura

– Meio litro de leite

– 100 g de coco ralado

– Açúcar refinado para cobrir o doce após finalizar

Pingos de mamão

– 2 litros de polpa de mamão verde (cerca de 2 mamões)

– 3 abacaxis

– 1 litro de água

– 1 kg de açúcar

– Açúcar refinado para cobrir o doce após finalizar

Preparo

Pingos de abóbora

Em um tacho, cozinhar a abóbora no leite por cerca de 30 minutos, ou até que fique bem macia, e o leite seque.

Acrescentar o açúcar e, após 30 minutos, em fogo baixo, pôr o coco.

Deixar cozinhar por mais 15 minutos.

Tirar do fogo e, com uma colher de sopa, retirar porções do doce e pôr sobre uma superfície lisa.

Deixar descansar por aproximadamente cinco horas antes de salpicar o açúcar refinado.

Pingos de mamão

Descascar os mamões e passá-los em um ralo.

Lavar a polpa e deixá-la em uma vasilha com água de um dia para o outro.

Escorrer e pôr o mamão em um tacho, com 1 litro de água e o abacaxi descascado e bem picado.

Cozinhar por 30 minutos e pôr o açúcar.

Mexer bem e desligar o fogo quando o doce estiver desgrudando do tacho e der para ver o fundo.

Tirar colheradas do doce e pôr sobre uma superfície lisa.

Deixar descansar por cinco horas antes de salpicar o açúcar refinado.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do chef Eduardo Avelar


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo