Prefeito de Muriaé se reúne com moradores da Rua Santa Rita e adjacências

Uma comissão formada por quatro representantes da região da Rua Santa Rita esteve com o prefeito de Muriaé, Aloysio Aquino, e demais autoridades, assim como com o representante da empresa Prefisan, Carlos Kneip, no Gabinete da Prefeitura Municipal de Muriaé, nesta sexta-feira (14), para expôr os problemas e buscar um paliativo que resolva a situação de forma mais imediata.

Segundo as informações de Carlos Kneip, o que vem atrasando a obra é a passagem do fio de telefonia e a desapropriação, que deverá está concluída pela Justiça até a próxima segunda-feira (17).

Kneip explica que sem a liberação dos trechos, a interligação terá que esperar, mas para amenizar a situação foi encontrada uma alternativa, um procedimento provisório no trevo da Santa Rita para a passagem de parte da água do córrego que seguirá pela galeria nova, reduzindo o volume de água dos alagamentos. O trabalho começaria em 01 de dezembro.

O prefeito Aloysio declarou que foi positiva a reunião e reconheceu que o povo da região da Rua Santa Rita está sofrendo e que estão procurando minimizar os problemas. “Foi boa à vinda, expuseram as dificuldades, foi uma conversa aberta, clara”, disse.

A obra do Complexo Santa Rita está estimada em R$ 34 milhões (R$ 17 milhões deste total para a canalização da Rua Santa Rita e região) e até o momento, segundo a empresa Prefisan, foram repassados para ela uma média de 13 milhões.

Fonte: PMM / Foto: Ilustrativa


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre