Prefeito de Muriaé vai a Brasília pedir auxílio para construção de escola no Vermelho II



As 563 casas do conjunto habitacional Vermelho II, em Muriaé, seguem sem moradores devido a falta de infraestrutura no local.

O problema foi herdado pela atual administração, que segue em busca de soluções para resolver a situação e finalmente entregar as chaves aos beneficiários, que já estão há três anos aguardando a entrega das casas.

Recentemente, o prefeito de Muriaé, Grego, foi até Brasília e se reuniu com o Ministro da Educação, Mendonça Filho. O objetivo do encontro foi obter apoio para a construção de uma escola no Vermelho II.




– Sempre prestando conta de minhas ações, estive em Brasília e agradeço ao Ministro da Educação, Mendonça Filho, ao deputado federal Misael Varella e à equipe técnica, pelo entendimento da necessidade que temos de construir uma unidade escolar dentro do conjunto habitacional Vermelho II, para atender os futuros moradores. Retorno para nossa querida Muriaé com a esperança renovada de termos nosso pedido atendido. As famílias contempladas podem contar comigo, com o deputado Misael Varella e com toda nossa equipe para resolvermos mais esta pendência que foi deixada pela administração passada. Continuarei trabalhando para conseguir tudo que for preciso para que as famílias recebam suas residências – disse Grego.

Assista ao vídeo

Fonte: Guia Muriaé

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.