Homem vai prestar depoimento e acaba preso em Muriaé

Um homem de 50 anos foi preso, na tarde desta quinta-feira (30), ao se dirigir a 4ª Delegacia de Polícia Judiciária de Muriaé, no bairro Safira, para prestar depoimento e acabou preso por porte ilegal de arma de fogo.

Por volta das 17h, o autor compareceu à unidade policial para representar contra algumas pessoas que o acusam de ser o mandante de um suposto sequestro. Nesse ínterim, a Polícia Civil recebeu denúncia de que o mesmo não possuía habilitação e estaria transportando uma arma de fogo em seu veículo, um Chevrolet Monza, cor vermelha.

Diante da denúncia, os investigadores procederam, na presença de testemunhas, uma busca no veículo e localizaram, embaixo do tapete atrás do banco do carona, um revólver calibre 22, com capacidade para sete tiros e municiado com cinco cartuchos intactos.

O autor recebeu voz de prisão em flagrante. Por não possuir carteira nacional de habilitação e não apresentar nenhuma pessoa habilitada para conduzir seu veículo, o mesmo foi removido para o pátio credenciado.

Fonte: Guia Muriaé


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo