Home / Notícias / Região / Circuito Trem Cultural chega a Varre-Sai

Circuito Trem Cultural chega a Varre-Sai

Caso tivéssemos que escolher uma única palavra para definir o Circuito Trem Cultural, sem dúvida alguma seria “sucesso”, devido à dimensão alcançada pelo projeto. O evento, que pretende resgatar a história da Companhia Estrada de Ferro Leopoldina, com a famosa “Maria Fumaça”, esteve nos municípios de São José de Ubá, Bom Jesus do Itabapoana e Cardoso Moreira. E, neste final de semana, desembarca em Varre-Sai, nos dias 17 e 18 de dezembro na Praça Abaeté Cordeiro, Centro, das 17h às 23h. A entrada é franca.

De acordo com Bruno Pires, diretor da B2B Empreendimentos (empresa que organiza o evento), o Circuito Trem Cultural superou todas as expectativas. “Nas últimas semanas o evento mobilizou algumas cidades do Noroeste e superou todas as expectativas. Dentre os nossos objetivos, promover o turismo regional, resgatar a história das estações ferroviárias do Noroeste Fluminense, promover o desenvolvimento social, estimular arte e cultura local, além de apoiar iniciativas de sustentabilidade e capacitar a população para o melhor aproveitamento de recursos naturais”, completa Bruno.




O projeto busca a valorização do turismo no Noroeste Fluminense, assim como o desenvolvimento cultural e social através das atividades e temas propostos para a realização do evento. O Circuito Trem Cultural pretende mesclar cultura, lazer, arte e sustentabilidade. É montado em partes distintas – estações – num espaço de aproximadamente 300 m², com as seguintes estações:

* Embarque: será a primeira estação onde os visitantes irão passar. Neste espaço será apresentada uma exposição com fotos, painéis e vídeos, mostrando toda a história da Ferrovia, desde o início da sua construção até sua última passagem pelos municípios do Noroeste;

* Fazendo Arte: espaço voltado para a realização de oficinas com jovens, crianças e adultos, incentivando a arte, através de atividades de pintura, confecção de bolsas, cartões e outros. Além disso, será organizado um concurso de redação com o tema “A cidade que eu quero”, onde crianças do Ensino Fundamental poderão apresentar para os novos governantes, propostas para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos;




* Parada Obrigatória: nesta estação os participantes terão a oportunidade de interagir com a história da ferrovia. Será montado um grande painel evidenciando o cenário da época, onde os participantes terão a oportunidade de posar no cenário e levar gratuitamente um registro fotográfico impresso na hora;

* Sustentabilidade: já nesta estação, o público terá acesso a informações sobre consciência ambiental, oficinas de sustentabilidade, além de um ponto de recolhimento de pilhas e baterias para o correto descarte.




“Saudade da Maria Fumaça”

Outra atração que tem despertado múltiplas sensações nos visitantes é o vídeo documentário “Saudade da Maria Fumaça”, produzido pelo vídeomaker Samuel Blanc, com roteiro do escritor e jornalista Eusébio Dornellas. O vídeo documentário relata a saudade de um tempo desconhecido por muitos, cuja memória vem se perdendo. Conta um pouquinho da história da Companhia Estrada de Ferro Leopoldina e ainda traz depoimentos de pessoas que vivenciaram esse período.

O Circuito Trem Cultural foi idealizado para acontecer nos municípios de São José de Ubá, Bom Jesus do Itabapoana, Cardoso Moreira e Varre-Sai.

Fonte: Eusébio Dornellas / Agência Comuniqque

Confira também

SINE de Ubá tem 6 vagas com salários de até R$ 1.591

O Sistema Nacional de Emprego (SINE) divulgou 6 vagas de emprego para quarta-feira (24/07) na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *