Homem é preso após agarrar mulher à força no meio da rua



Um homem de 54 anos de idade foi preso, na tarde desse sábado (17), suspeito de tentativa de estupro em Cataguases. Ele é acusado de ter agarrado à força uma mulher de 26 anos de idade. O fato aconteceu na Rua Reinor Rabelo Reis, no bairro Sol Nascente, e foi registrado pela Polícia Militar, que compareceu no local e conseguiu localizar o suspeito e prendê-lo próximo à Escola Estadual Clóvis Salgado.

A vítima contou aos policiais que seguia pela rua quando percebeu que estava sendo seguida pelo autor. Ao chegar próximo à esquina com a Avenida Sizenando Dutra de Siqueira, foi agarrada por trás pelo homem, que lhe passou uma das mãos por todo o corpo, inclusive por baixo de seu vestido e órgãos genitais. Neste momento ela começou a gritar por socorro, mas ele apertou seu pescoço com um golpe conhecido como “gravata”, além de agarrar seus cabelos dizendo para não gritar senão a mataria. A mulher se debatia e tentava se libertar e pessoas que presenciavam o que estava acontecendo começaram a gritar para ele parar. O autor a soltou e foi embora.




A jovem também narrou conhecer o homem, que seria seu vizinho e que anteriormente ele fez gracejos para ela sem, no entanto, nunca ter lhe tocado. O suspeito contou duas versões aos policiais sobre o mesmo fato. Na primeira ele disse ter tentado “dar um beijinho” na jovem que, conforme revelou, gostava dele. Depois ele disse que estava correndo pela calçada quando trombou na vítima e, para que ela não caísse ao chão e se machucasse, a segurou. Duas testemunhas confirmaram a versão da vítima dizendo terem visto o que aconteceu.

O suspeito e a vítima foram levados para Pronto-Socorro do Hospital de Cataguases onde passaram por exames médicos, sendo que a jovem foi diagnosticada com escoriações leves no pescoço, cotovelos, ombro direito e orelha esquerda. Após os procedimentos de praxe, os militares responsáveis pelo caso conduziram o homem até à Delegacia Regional de Polícia Civil de Leopoldina onde prestou depoimento.

Fonte: Marcelo Lopes

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.