Home / Notícias / Região / Homem é procurado após manter refém em cárcere privado na zona rural de Miraí

Homem é procurado após manter refém em cárcere privado na zona rural de Miraí

A Polícia Militar registrou, na manhã desta quinta-feira (19), uma ocorrência de sequestro e cárcere privado na zona rural de Miraí.

Por volta das 7h30, durante patrulhamento, militares foram abordados pelo solicitante, de 34 anos, que relatou que é proprietário de um sítio, localizado às margens da rodovia MG 447 (sentido Miraí-Guiricema), e que todos os dias, por volta das 5h30, desloca-se para a citada propriedade rural, onde juntamente com um funcionário, de 64 anos, realiza diversos trabalhos. Segundo o solicitante, ao chegar nesta data não encontrou seu funcionário e achou que ele ainda não teria acordado, sendo assim começou as realizar os trabalhos sozinhos.

Em determinado momento, surgiu seu funcionário, que relatou que ontem, por volta das 11h, compareceu ao sítio um indivíduo de cor branca, estatura mediana e cabeça raspada, que se apresentou e passou a conversar com o mesmo durante um bom tempo, tendo ele inclusive lhe servido água e alimento. Passadas algumas horas, já por volta das 18h, tal cidadão, repentinamente, apossou-se de um facão, encostou-o no seu pescoço e disse: “Quero R$ 3 mil e um revólver e só vou sair daqui quando me der, entendeu?”. A vítima então respondeu que não tinha nenhuma arma e nem mesmo dinheiro, por isso foi amarrrada com alguns pedaços de tecido e colocada em um dos cômodos do sítio. O autor então passou toda a noite no interior da residência e em algumas vezes lhe agrediu com tapas e socos. Nesta data, por volta das 5h, o autor saiu do interior do sítio, levando o facão, e evadiu, tomando rumo ignorado, mas deixando a vítima ainda amarrada no interior do cômodo. No momento em que percebeu que ele havia de fato evadido, a vítima conseguiu se desamarrrar e foi até o local onde seu patrão estava para lhe comunicar o fato.

A polícia então mostrou a vítima uma foto de um suspeito, que atende pelo mesmo nome que se apresentou a vítima, conhecido pela prática de diversos furtos/roubos. Ao ver a foto, a vítima reconheceu o autor, que também foi reconhecido por uma testemunha que viu os dois conversando pelo local, antes do crime.




Foi recolhida pelo local a camisa da vítima, que estava suja de sangue. A vítima foi conduzida ao Hospital de Miraí, onde foi atendida pelo médico de plantão, que constatou ferimentos leves, e foi liberada.

A PM realizou intenso rastreamento no intuito de localizar o autor, contudo sem êxito até o momento.




Fonte: Guia Muriaé




Confira também

Homem morre após ser atingido por raio em Miradouro

Uma descarga elétrica proveniente de um relâmpago tirou a vida de um homem de 47 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *