Home / Notícias / Região / Legítima defesa: idoso que atirou e matou ladrão em Cataguases é liberado na Delegacia

Legítima defesa: idoso que atirou e matou ladrão em Cataguases é liberado na Delegacia


Por entender que se tratou de legítima defesa, o delegado de plantão da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Leopoldina liberou o idoso, de 61 anos, que atirou e matou um ladrão, de 19 anos, durante uma tentativa de roubo em Cataguases.

O caso aconteceu durante a madrugada desta sexta-feira (4), por volta da 1h, chácara no bairro Horto. Quatro bandidos armados com revólver, faca e facões invadiram uma propriedade, onde renderam cinco pessoas. O idoso pegou um revólver e efetuou três disparos contra o bando, que saiu correndo do local.

Um dos tiros acertou Laudinei Alves de Oliveira, indivíduo este já conhecido no meio policial com diversas passagens (incluindo desobediência, resistência, tráfico de drogas, corrupção ativa e lesão corporal). Ele não resistiu e morreu no local.




A arma que o idoso usou era registrada, porém o registro estava vencido desde 27/07/1994. Ele e os demais moradores foram levados para a Delegacia de Plantão em Leopoldina, onde foram ouvidos pelo delegado Bruno Wink dos Santos.

Em depoimento, o idoso disse que um dos ladrões apontou uma arma de fogo para a cabeça de um familiar dele. Quando percebeu que ele se aproximava, o bandido teria virado o corpo no intuito atirar, foi quando ele disparou em direção ao criminoso. A versão bateu com o que foi apurado pela perícia.

O delegado fez o auto de prisão em flagrante delito de homicídio contra o idoso, mas a prisão não foi ratificada em razão das circunstâncias do fato e por ele estar em legitima defesa.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do G1

Confira também

Prefeitura de Rodeiro abre processo seletivo

A Prefeitura de Rodeiro divulgou o edital nº 14/2018 de processo seletivo simplificado destinado a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *