Home / Notícias / Região / Mulher mente que foi estuprada para marido não descobrir traição

Mulher mente que foi estuprada para marido não descobrir traição


Uma mulher de 20 anos foi presa, nessa sexta-feira (16), após inventar um falso estupro para encobrir uma traição. O caso aconteceu em Santa Rita de Minas, no Vale do Rio Doce.

A Polícia Militar inicialmente foi acionada pela mulher, que alegou que na noite de quinta-feira (15), por volta das 23h40, um homem armado com um revólver invadiu sua casa. Ele teria feito ameaças e acabou lhe estuprando, permanecendo no imóvel até a madrugada de ontem. Na ocasião, o companheiro dela não estava em casa.

De imediato, equipes da PM iniciaram rastreamento para tentar localizar o criminoso. Durante o desenrolar da ocorrência, a PM recebeu informações que o suposto estuprador já tinha ido até casa da mulher em outras ocasiões e inclusive já teria dormido no imóvel.




Os policiais militares voltaram a conversar com a mulher, que acabou confessando que tinha mentido para que seu amásio não descobrisse a traição.

A mulher foi presa pelo crime de denunciação caluniosa, delito cuja pena prevista é de dois a oito anos de prisão, além de multa.

Fonte: Guia Muriaé

Confira também

Traficante de drogas é preso escondido em tambor em Astolfo Dutra

Um homem de 54 anos foi preso, na tarde de sábado (18), por tráfico de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *