Muriaeense é morto a tiros em Juiz de Fora



Um jovem de 25 anos foi morto a tiros, na noite dessa quinta-feira (10), no bairro Jardim Casablanca, em Juiz de Fora.

Por volta das 19h, a Polícia Militar foi acionada e compareceu em uma residência na Rua B, onde o corpo de Ernesto Franklin Montini Leite foi encontrado por sua companheira caído na cozinha do imóvel, em meio a muito sangue e já sem os sinais vitais.

A mulher disse à polícia que havia saído para ir ao supermercado e ao retornar foi informada por vizinhos que seu amásio havia sido alvejado por disparos de arma de fogo. Ela ainda disse que todas as gavetas dos armários e cômodas da casa haviam sido revirados e as roupas foram espalhadas pelo imóvel.




O local foi isolado e a perícia acionada. Após os trabalhos de praxe, o perioto constatou cinco perfurações no corpo da vítima, sendo três no ombro direito, uma no peito e outra na cabeça. Foi recolhido no local um projétil caído no chão da cozinha. O corpo foi liberado e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Durante levantamentos, a PM recebeu informações de que recentemente a vítima, acompanhado por outro cidadão, teria tentado matar outro indivíduo, contudo não obteve êxito.

Ernesto era natural de Muriaé e foi morador da Rua Fardelas, na Barra.

O homicídio será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Guia Muriaé

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.