Polícia Civil divulga balanço de ações desenvolvidas neste ano na região de Ubá

Delegado Diêgo Candian Alves
Mais de 160 prisões efetuadas, 19 adolescentes apreendidos, 340 diligências executadas para cumprimento de mandados de prisão, 9.211 documentos de identidade confeccionados, 42.343 documentos de trânsito emitidos, 6.594 exames de legislação e 15.114 exames de direção veicular realizados. Esse foi o resultado de algumas das atividades de polícia judiciária desenvolvidas pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) até 3 de dezembro do ano de 2021, no município de Ubá, na Zona da Mata mineira, no âmbito da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil (2ª DRPC). A unidade policial compreende 17 municípios, sete comarcas e pertence ao 4º Departamento de Polícia Civil, juntamente com as Delegacias Regionais em Juiz de Fora, Leopoldina, Muriaé e Viçosa.

Conforme o delegado regional, Diêgo Candian Alves, 3.831 procedimentos investigativos foram instaurados no período e 3.859 procedimentos investigativos também foram relatados e remetidos à Justiça. “Tivemos 486 medidas protetivas expedidas pela Polícia Civil, 2.877 laudos de perícia criminal e 745 laudos do Posto de Medicina Legal emitidos. Além disso, houve vários levantamentos realizados pela Agência de Inteligência da Delegacia Regional que contribuíram com as investigações”, informa, complementando que 82% dos homicídios, entre tentados e consumados, também foram esclarecidos neste ano. “Somente em Ubá, 67 suspeitos foram indiciados”, ressalta.

Segundo o delegado regional, os números refletem o comprometimento e o empenho dos policiais civis. “Queremos agradecer a todos os servidores, policiais e administrativos, pela excelente produtividade do ano corrente. Isso demonstra o grau de pertencimento e comprometimento que temos com nossas cidades, já que somos daqui e nossas famílias residem aqui. Exercer nossos trabalhos com esse sentimento de pertencimento faz a diferença. Muito obrigado”, destaca a autoridade policial, também ressaltando as parcerias e integração com o Poder Judicário, o Ministério Publico, a Polícia Militar, a Polícia Penal e o Corpo de Bombeiros Militares. “E que a população também continue contribuindo com o trabalho da polícia judiciária, por meio de denúncias que podem ser feitas no Disque Denúncia Unificado – 181 ou pelo WhatsApp Denúncia 31 994830008”, frisa o delegado.

Durante esta e a última semana, a PCMG, representada pelo delegado Diêgo Candian, divulgou esses e outros resultados à população, por meio da participação em uma série de entrevistas concedidas a veículos de comunicação da região, tais como Rádio Educadora FM, Rádio Líder FM e Web TVMultishow; Rádio Ubaense AM e Web TV Uai. A entrevista na Web TV Ubá News também contou com a participação das autoridades policiais da comarca de Ubá. “Também aproveito para agradecer a todos os canais de comunicação neste ano, por serem os mensageiros dos trabalhos da Polícia perante a sociedade”, ressalta.

Operações policiais realizadas

Segundo o delegado regional, 115 operações policiais foram realizadas no âmbito da 2º DRPC, visando combater a criminalidade, e algumas se destacam, em virtude dos resultados alcançados, entre elas, a operação “Back Up II”, realizada em maio, com o objetivo de apreender celulares e aparelhos de informática de suspeitos de terem invadido dispositivos informáticos da vítima e vazado conteúdos íntimos da mesma, impressos e distribuídos na cidade de Visconde do Rio Branco. Na ocasião, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Visconde do Rio Branco e nas cidades de Teixeira e de Pedra do Anta.

Em julho, a PCMG também desencadeou a operação “Cavalo de Troia”, com apoio da Polícia Militar, no bairro São Domingos. A manobra culminou no cumprimento de 20 mandados de busca e apreensão – com apreensão de drogas – e na prisão de cinco suspeitos pela prática do crime de tráfico de drogas. Também foi cumprido mandado de prisão preventiva em desfavor de um investigado, em razão de crime de homicídio tentado ocorrido em 19 de abril.

No mês seguinte, uma ação conjunta entre PCMG e PMMG resultou na apreensão de, aproximadamente, uma tonelada de carne em abatedouro clandestino. Na época, um suspeito foi preso. Já em setembro, também foi preso um suspeito de liderar uma organização criminosa no bairro São Domingos e de ter praticado homicídios.

Ainda no mês de setembro, a operação “Azar Certo” prendeu o suspeito de ser o líder de organização criminosa que estaria aplicando golpes de consórcio em mais de 100 vítimas, gerando prejuízo de cerca de R$5 milhões no total, além de praticar lavagem de dinheiro. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Ubá, Juiz de Fora e São Sebastião do Paraíso, mas também no Espírito Santo, em Marataízes.

A operação integrada entre PCMG e PMMG, denominada “Súcia”, foi deflagrada em outubro e visou combater o narcotráfico e o crime organizado em Ubá. A ação resultou na apreensão de drogas e simulacros de armas de fogo, bem como na prisão de 12 investigados. Por fim, a operação “Paralizzante” foi realizada com o objetivo de desmantelar uma organização criminosa suspeita de financiar o tráfico de entorpecentes na região de Guarani. Na ocasião, foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão e nove pessoas também foram presas.

Apurações

Durante todo o ano, a Polícia Civil realizou trabalhos investigativos, provenientes de incessantes investigações, que resultaram em apurações de casos na região. Entre os levantamentos, há a investigação que resultou no indiciamento, em março, de um suspeito de tentar atear fogo na família, em Dores do Turvo. Ele também esfaqueou o cachorro dos familiares. Na época dos fatos, ele foi preso em flagrante, em uma ação conjunta da PCMG e PMMG.

Também foi apurado o roubo qualificado consumado em Ubá, ocorrido no dia 11 de maio, quando a vítima parou o veículo dela no bairro Santa Bernadete, para trocar o pneu do seu veículo, ocasião em que foi surpreendida por quatro indivíduos em duas motocicletas, anunciando o assalto. Na ocasião, eles roubaram o automóvel e abandonaram o carro na Zona Rural de Ubá, com a vítima no porta-malas. O inquérito policial foi concluído, com identificação dos suspeitos de cometerem a prática criminosa, com representação por prisão preventiva em desfavor dos investigados. Ainda no mesmo mês, outro roubo foi realizado no dia 14, na Colônia Padre Damião, e o inquérito que apurou o crime também já foi concluído, com pedido de prisão à Justiça.

Além disso, também foram esclarecidos os crimes de ato libidinoso mediante fraude, ocorrido em junho em Senador Firmino, e de feminicídio, ocorrido em agosto, no bairro San Rafael, em Ubá. Em novembro, também foi concluída a investigação que apurava a morte de um pedestre que fazia caminhada em uma rodovia de Senador Firmino: um suspeito foi indiciado. No mesmo mês, também foi apurado outro crime, fato que aconteceu em frente ao campo Industrial, onde a vítima possui um estabelecimento de venda de cachorro-quente. O suspeito foi preso em flagrante.

Já neste mês, em dezembro de 2021, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), com apoio da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), realizou a prisão de um jovem de 22 anos, na Zona Rural do município de Paula Cândido, na Zona da Mata mineira. Ele é suspeito de ter cometido suposto homicídio consumado, ocorrido no dia 24 de outubro, na cidade de Ubá, em desfavor de um rapaz de 32 anos. O inquérito policial foi concluído e remetido à Justiça com representação pela prisão preventiva do investigado.

Iniciativas solidárias

Segundo o delegado Diêgo Candian Alves, a PCMG na região também se mobilizou para planejar e executar iniciativas solidárias. “A Polícia Civil em Ubá promoveu ações sociais por ser também uma polícia cidadã”, enfatiza.

Em março, foram arrecadadas doações para famílias atingidas pelas chuvas na Zona da Mata. Policiais civis de Ubá e de Rio Pomba, em parceria com integrantes de clubes de motociclistas da região, destinaram dois caminhões carregados com donativos aos municípios de Ubá, Carangola e Piraúba. A PCMG também emitiu carteiras de identidade para idosos de uma instituição em Ubá. Na ocasião, foram confeccionados 22 documentos de identificação.

No mesmo mês, a Polícia Civil participou de campanha para arrecadar caixas de bombons para unidades de acolhimento infantil, em parceria com o Airsoft Valknut. Mais de 300 embalagens com chocolates foram arrecadadas. As doações foram remetidas, na Páscoa, às unidades de acolhimento infantil.

No inverno, no mês de julho, a “Campanha Doe Calor, Doe Amor” aqueceu moradores de rua em Ubá. A iniciativa conseguiu arrecadar, aproximadamente, 200 itens de agasalhos. Em agosto, a 2º DRPC em Ubá também reforçou canais de denúncia para combater a violência contra a mulher, no mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher, o Agosto Lilás.

Ações Administrativas

Conforme informações do delegado regional, mais de 300 quilos de entorpecentes foram incinerados; 80 armas de fogo e munições foram destinadas à destruição, no Exército Brasileiro; e também foi promovido leilão de 390 veículos.

Parcerias

Em Ubá, verbas oriundas de sentenças condenatórias e transações penais possibilitaram a aquisição de seis baterias extras e dois drones e de R$110 mil, valor destinado à compra de uma viatura caracterizada para a Delegacia de Repressão a Homicídios de Ubá. “Também foram adquiridos quatro computadores, por meio de parceria com a Cooperativa de Crédito Credisudeste Ltda, da agência do Sistema de Cooperativas Financeiras do Brasil (Sicoob), do município de Ubá, na Zona da Mata mineira. Os equipamentos foram destinados ao Plantão Regionalizado e à Agência de Inteligência”, destaca Diêgo Candian Alves, complementando que outros três computadores também foram adquiridos, oriundos da Assembleia Legislativa de Minas, por meio de solicitação do deputado Hely Grilo, destinados às delegacias de Ubá. “Também houve a aquisição de uma viatura caracterizada, decorrente de verba parlamentar, do deputado Wendell Mesquita, destinada à Delegacia de Repressão a Narcóticos”, conclui.

Fonte: PCMG

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo