Preso suspeito de matar mulher e o próprio filho que moravam em Tombos

Um homem de 29 anos foi preso, nessa sexta-feira (22), suspeito de matar uma mulher e o próprio filho que moravam em Tombos. A prisão aconteceu na cidade de Itabirito, na Região Central de Minas.

Fiama Antônia de Freitas Machado, de 25 anos, e David Lucca, de 1 ano e 9 meses, estavam desaparecidos desde o dia 09 de setembro, quando saíram de Tombos em direção à Belo Horizonte para uma consulta médica. O menino tinha paralisia cerebral.

De acordo com as investigações, o suspeito levaria os dois para a consulta, mas no meio do caminho teria tido um desentendimento com Fiama. Ele pegou uma faca que estava no carro e golpeou ela.

Na sequência, ateou fogo no corpo da mulher. O filho do casal teria passado mal e o autor jogou a criança em uma mata. Moradores de Itabira, na Região Central de Minas, viram o fogo e acionaram a polícia.

O corpo de Fiama foi encontrado carbonizado no dia 10 de setembro. A identificação oficial dela só saiu na última quarta-feira (20), após exame comparativo que indicou um resultado positivo.

Após o crime, o suspeito ainda manteve contato com a família de Fiama e disse que não sabia o que teria acontecido com ela e o filho. Um cartaz de desaparecido chegou a ser divulgado no início de novembro pela polícia.

O suspeito foi preso e em depoimento confessou ter matado a mulher e o próprio filho. A Polícia Civil agora tenta convencê-lo a indicar o local onde estariam os restos mortais do menino.

A Polícia Civil vai dar mais detalhes do caso em coletiva de imprensa.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do Hoje em Dia e Rádio Itatiaia

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Experimentoe o Novo Livre