Vereador será investigado após abrir caixão lacrado em cemitério

O vídeo que ganhou repercussão nas redes sociais, foi feito por Wiliam Faria, vereador de Santa Bárbara do Leste, na tarde de domingo (25/04), na Zona da Mata.

No vídeo, o vereador abre o caixão, que estava lacrado, de um senhor de 92 anos e questiona, se o motivo da morte dele, seria realmente Covid-19.

O vereador finalizou o vídeo, solicitando a presença da Polícia Militar e o retorno do senhor a funerária, para que o corpo fosse sepultado de forma digna.

O jornalismo da TV Super Canal entrou em contato com Wiliam para apurar o caso. Ele informou que a Polícia Militar esteve no local, assim como a Vigilância Sanitária. Seguindo orientações da vigilância, o senhor foi sepultado por volta de 17h de domingo (25/04).

“Familiares acionaram a Polícia Militar. A polícia orientou está chamando a Vigilância Sanitária aqui da Prefeitura. Veio o representante da Vigilância Sanitária, onde foi feito todo o procedimento. Foi verificado os outros documentos de óbitos por Covid, foi aberto no domingo, a sala da Vigilância, na presença da Polícia Militar, na minha presença e na presença de familiares, onde os outros óbitos, também de Covid-19, tem especificamente insuficiência respiratória, causa Covid-19. Todos os laudos de óbitos, que chegaram aqui em Santa Bárbara, tem escrito especificamente Covid-19 e esse aí, não tinha. A Vigilância Sanitária, conversou com a família, onde foi orientado a fazer o sepultamento do corpo e nós seguimos essa orientação da Vigilância.” explicou Wiliam.

A Prefeitura de Santa Bárbara do Leste, por meio de nota, informou que “A situação está sendo investigada junto ao Hospital Casu e à funerária responsável. É importante ressaltar que os protocolos referentes a sepultamento são estabelecidos pelo Estado de Minas Gerais. Uma representante da Vigilância Sanitária está acompanhando o caso e tão logo haja uma resposta oficial, comunicaremos aos familiares e à impressa. A Prefeitura de Santa Bárbara do Leste lamenta a morte e se solidariza com familiares e amigos”, diz a publicação.

Nesta segunda-feira (26/04), a Polícia Civil do Estado de Minas Gerais informou que irá investigar o conteúdo exposto, pela prática, em tese, do crime de Infração de Medida Sanitária Preventiva (artigo 268 do Código Penal), onde um cidadão, após romper o lacre de um caixão de um paciente falecido com sintomas gripais, o abre na presença de diversas pessoas.

Foi ressaltado pela Polícia Civil, que ainda que não tenha havido confirmação da Covid, na Declaração de Óbito, tendo em vista que o resultado do exame RT-PCR sai em três dias úteis, o procedimento adotado de lacrar o caixão foi correto face aos sintomas que o paciente apresentava, atendendo o que preconiza o Ministério da Saúde.

PT de Minas Gerais afasta vereador de Santa Bárbara do Leste

A direção executiva do PT de Minas Gerais decidiu afastar imediatamente o vereador William Faria, de Santa Bárbara do Leste, em razão do lamentável fato ocorrido no último domingo (25/5), quando o parlamentar violou um caixão lacrado durante o funeral de um homem que faleceu com suspeita de covid-19. O procedimento de lacre é uma determinação sanitária do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado de Saúde.

– Num dos momentos mais delicados vividos por toda a população mineira e brasileira em função da pandemia do novo coronavírus, a atitude do vereador representa uma ação violenta e desnecessária, além de ser uma grave ameaça à segurança sanitária – diz a nota do partido.

Após o afastamento, o vereador responderá no Conselho de Ética do PT-MG, como determina o estatuto partidário, em um processo que poderá culminar com a sua expulsão.

Fonte: TV Super Canal / PT


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo