Home / Notícias / Saúde e Bem-Estar / Muriaé realiza atividades para marcar Semana da Luta Antimanicomial

Muriaé realiza atividades para marcar Semana da Luta Antimanicomial

Na semana do Dia Nacional da Luta Antimanicomial, lembrado em 18 de maio, a Prefeitura de Muriaé, através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Centro Universitário Unifaminas, promoveu ações para reflexão sobre a qualidade de vida das pessoas com sofrimento mental. A programação incluiu palestras, roda de conversa e exposição de trabalhos artesanais.

Dando início às atividades, na última segunda-feira (13) foi inaugurada, na biblioteca do Unifaminas, a exposição de bordados feitos pelos pacientes do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas – III (Caps AD) e Caps II durante as oficinas terapêuticas. Eles seguem expostos até a próxima quinta-feira (23). No dia seguinte (14), também no Unifaminas, aconteceu roda de conversa organizada pelos acadêmicos do 7º período do curso de Psicologia.




Na última sexta-feira (17), aconteceram palestras no Salão Nobre do Unifaminas. O promotor de Justiça da Comarca de Muriaé, Fábio Laureano, falou sobre a importância do tratamento digno aos pacientes e seus direitos. Já a referência técnica de Saúde Mental da Gerência Regional de Saúde (GRS) de Ubá, Fabiana Érica de Souza, abordou o tema “Retrocesso Não! Pela Valorização da Rede de Atenção Psicossocial”.

A programação continua nesta quinta-feira, com a com a 1ª Copa de Futsal Abraça Caps, envolvendo as instituições de Muriaé e Ubá no Ginásio Rodrigão.

“Os eventos em favor da luta antimanicomial são de extrema importância. Todo ano, no mês de maio, são realizadas diversas ações para que possamos relembrar e reforçar sempre o tratamento em liberdade, a fim de que nunca mais nos permitamos pensar em tratamentos que retirem a dignidade, que coloquem em risco a vida, a humanização e o respeito às particularidades do indivíduo”, afirma a referência em Saúde Mental da Prefeitura de Muriaé, Cintia Muglia.




A Luta Antimanicomial é um movimento nacional, organizado por movimentos sociais, coletivos, entidades, universidades e instituições públicas de saúde mental. Ela se mobiliza em torno do fechamento de manicômios, apoiando um tratamento mais humano aos pacientes de saúde mental e a melhoria dos serviços oferecidos a eles.

Atividade na Lagoa adiada – A ação que aconteceria na Lagoa da Gávea, na manhã de sábado, foi adiada devido à chuva que caiu na cidade naquele dia. A atividade será realizada em outra data, a ser confirmada.




Fonte: PMM

Confira também

Prefeitura de Muriaé entrega reforma da policlínica do Porto

Para garantir infraestrutura de qualidade aos serviços de saúde, a Prefeitura de Muriaé inaugurou na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *