Home / Notícias / Cidade / Seminário discute importância do enfrentamento ao abuso sexual de crianças e adolescentes

Seminário discute importância do enfrentamento ao abuso sexual de crianças e adolescentes

A Semana de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes teve início em Muriaé na quarta-feira (16), com um seminário no Teatro Zaccaria Marques. Promovido pela Prefeitura e Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), a iniciativa alertou e conscientizou profissionais da área e população para a temática.




Durante o Seminário, a presidente do Conselho Tutelar de Muriaé, Kátia Campos, fez uma apresentação dos atendimentos das vítimas de violência infantil na cidade. Em seguida, o promotor da Infância e Juventude da Comarca de Muriaé, Fábio Laureano, ministrou palestra destacando a importância do enfrentamento ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes e o trabalho em rede. “Esse assunto é considerado ainda um tabu por grande parte da população, especialmente porque a maioria dessa violência é praticada no seio das famílias. Por conta disso, muitas pessoas têm vergonha de denunciar. Mas nós, como órgãos de proteção, temos obrigação de lutar para que se denuncie e mostrar que teremos uma atitude eficaz para proteger as crianças”, diz o promotor.

A programação da Semana continou nesta sexta-feira (18), com caminhada pelas ruas do Centro da cidade. Os participantes sairam às 8h da Praça Coronel Pacheco de Medeiros (praça da antiga Prefeitura) em direção à Praça João Pinheiro. Além dessas ações, estão acontecendo ainda panfletagem nas escolas, comunidades e distritos de Muriaé, bem como palestras nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

“É preciso garantir que crianças e adolescentes tenham seus direitos garantidos”, afirma prefeito

O dia 18 de maio é considerado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A data foi escolhida como dia de mobilização contra a violência sexual porque em 1973, em Vitória (ES), um crime envolvendo uma menina de 8 anos comoveu o país. A proposta é sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade para participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Ao longo do ano, a Prefeitura promove ações para prevenir a violência e o abuso sexual contra crianças e adolescentes, assim como atendimentos às vítimas, por meio da atuação do Conselho Tutelar, Centro de Referência Especializado de Assistência Social, e trabalho de prevenção nos CRAS.

O prefeito Grego frisa a importância de proteger as crianças e adolescentes muriaeenses. “Já avançamos muito, mas precisamos avançar ainda mais. A Prefeitura tem se empenhado para que esses avanços aconteçam, com ações, projetos e parcerias com instituições, a fim de combatermos juntos o abuso sexual de meninas e meninos. É fundamental que seus direitos e seus futuros sejam protegidos”, diz.

Fonte: PMM

Confira também

Almoço beneficente em prol da Saúde Mental acontece neste domingo

O almoço beneficente em prol da Saúde Mental de Muriaé acontecerá no próximo domingo (9), …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *