Seminário discute importância do enfrentamento ao abuso sexual de crianças e adolescentes



A Semana de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes teve início em Muriaé na quarta-feira (16), com um seminário no Teatro Zaccaria Marques. Promovido pela Prefeitura e Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), a iniciativa alertou e conscientizou profissionais da área e população para a temática.

Durante o Seminário, a presidente do Conselho Tutelar de Muriaé, Kátia Campos, fez uma apresentação dos atendimentos das vítimas de violência infantil na cidade. Em seguida, o promotor da Infância e Juventude da Comarca de Muriaé, Fábio Laureano, ministrou palestra destacando a importância do enfrentamento ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes e o trabalho em rede. “Esse assunto é considerado ainda um tabu por grande parte da população, especialmente porque a maioria dessa violência é praticada no seio das famílias. Por conta disso, muitas pessoas têm vergonha de denunciar. Mas nós, como órgãos de proteção, temos obrigação de lutar para que se denuncie e mostrar que teremos uma atitude eficaz para proteger as crianças”, diz o promotor.




A programação da Semana continou nesta sexta-feira (18), com caminhada pelas ruas do Centro da cidade. Os participantes sairam às 8h da Praça Coronel Pacheco de Medeiros (praça da antiga Prefeitura) em direção à Praça João Pinheiro. Além dessas ações, estão acontecendo ainda panfletagem nas escolas, comunidades e distritos de Muriaé, bem como palestras nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

“É preciso garantir que crianças e adolescentes tenham seus direitos garantidos”, afirma prefeito

O dia 18 de maio é considerado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A data foi escolhida como dia de mobilização contra a violência sexual porque em 1973, em Vitória (ES), um crime envolvendo uma menina de 8 anos comoveu o país. A proposta é sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade para participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.

Ao longo do ano, a Prefeitura promove ações para prevenir a violência e o abuso sexual contra crianças e adolescentes, assim como atendimentos às vítimas, por meio da atuação do Conselho Tutelar, Centro de Referência Especializado de Assistência Social, e trabalho de prevenção nos CRAS.

O prefeito Grego frisa a importância de proteger as crianças e adolescentes muriaeenses. “Já avançamos muito, mas precisamos avançar ainda mais. A Prefeitura tem se empenhado para que esses avanços aconteçam, com ações, projetos e parcerias com instituições, a fim de combatermos juntos o abuso sexual de meninas e meninos. É fundamental que seus direitos e seus futuros sejam protegidos”, diz.

Fonte: PMM

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.