Resumo da novela Chamas da Vida – 11/04 a 15/04

Confira o resumo dos próximos capítulos da novela Chamas da Vida (de 11 de abril a 15 de abril), exibida pela TV Record, e fique por dentro dos principais acontecimentos desta semana.

Capítulo 31, Segunda 11 de abril

Beatriz confirma a Xavier que deu a chave da produtora para Leo. Michele completa que elas não têm como saber se alguém passou por lá, porque aparentemente está tudo no lugar. Diego insiste que Leo errou ao levar a gangue na produtora. Miriam varre o quarto de Lipe e encontra fotos de meninas. Ele fica surpresa e questiona Lipe, que a expulsa de seu quarto.

Vivi diz a Joaquim que Marquinhos foi o primeiro menino que ela beijou. Antonio chega e implica com Vivi, Antonio fica perturbado com as lembranças de Paulo. Margareth tira a sobrancelha de Brito e ele grita. Antonio chega no ferro-velho com a televisão de Pedro. Leo diz que confirmou o álibi deles para o delegado e pede que Marreta e Antonio o ajudem a limpar sua barra com Beatriz. Antonio pega o relógio de Paulo quando todos saem e Manu pergunta o que ele está escondendo. Diego pede que Carolo ajude a afastar Leo de Beatriz. Manu diz que o relógio é de seu pai e pergunta o que Antonio fez com o pai dela. Ele diz que Paulo lhe deu o relógio de presente para que ele se afastasse de Manu. Ela pergunta se ele matou Paulo e Antonio nega. Os dois brigam e Marreta interfere. Manu diz a Marreta que Antonio matou seu pai. Guilherme encontra Antonio e tenta convencê-lo a se aproximar de Pedro. Rafa conta a Pedro que Antonio levou a televisão. Ivonete chega de surpresa. Carolina não gosta e Ivonete diz que fez um pudim para Rafa e Vivi.

Marreta diz à Manu que vai tentar descobrir o que aconteceu. Carolina beija Pedro na frente de Ivonete. Margareth faz as unhas de Brito e diz que tem certeza que Roseclair não tem um amante. Roseclair chega e fica chocada ao ver que Brito fez a sobrancelha e as unhas. Roseclair comenta com Odiléia que está achando Brito estranho. Pedro vai tomar banho e Carolina e Ivonete discutem. Carolina expulsa Ivonete da casa. Pedro separa as duas. Ivonete se faz de vítima e vai embora. Vilma marca encontro com Adeilson. Tomás entra no quarto de Ivonete pela janela. Vó Tuquinha bate na porta e manda Ivonete abrir. Beatriz pergunta a Leo porque ele levou a gangue na produtora. Ele mente e ela diz que só o deixa continuar trabalhando se ela entrar na gangue do ferro-velho. Vilma entrega maleta com dinheiro para Adeilson. Tomás se esconde embaixo da cama e Ivonete abre a porta. O celular de Tomás toca e ela descobre o esconderijo. Vilma sai do carro e entrega a placa da fênix para Adeilson. Ela aciona um controle remoto e o carro de Adeilson explode.

Vilma sorri vendo o carro de Adeilson se incendiar e liga para o Corpo de Bombeiros. Eurico convoca bombeiros para irem ao local. Junior encontra a placa da fênix no carro e entrega para Eurico. Ivonete manda Tomás se vestir e sair. Ivonete mente que o encontrou bêbado na rua e o levou para casa para consolá-lo. Tuquinha não acredita, mas diz que vai deixar passar. Beatriz explica a Leo que quer entrar para a gangue para fazer um documentário. Leo diz que vai ajudá-la. Guilherme diz a Brito para tomar cuidado com a história de ser metrossexual para não assustar Rose. Cazé chega na casa de Guilherme com duas meninas. Michele vê as meninas e briga com Guilherme. Ele tenta se explicar, mas ela vai embora. Junior diz à Raíssa que o pai nunca reconhece o que ele faz. Ela diz que vai visitar a família no interior. Junior pergunta por que ela faz tanto mistério sobre a família e ela desconversa. André diz à Suelen para ela se inscrever em um concurso de curtas de terror. Ela se anima e Carla implica. Antonio confessa a Marreta que matou o pai de Manu sem querer. Marreta diz para ele assumir o que fez e Antonio fica nervoso.

Tomás pergunta à Beatriz sobre o namoro com Diego. Pedro e Carolina se declaram um para o outro. Demorô encontra Lincon, que diz que também fugiu do reformatório. Lincon força Demorô a pedir dinheiro a uma senhora. Lincon puxa a bolsa da senhora e sai correndo. Demorô vai atrás e um carro da polícia vai atrás deles. Tuquinha diz a Roberto que Tuquinha quer contratar outro fornecedor de comida para a fábrica. Roberto diz que vai ajudá-la. A polícia ponta armas para Demorô e Lincon. Roseclair comenta com Ricardo que está achando o comportamento de Brito estranho. Ela concorda e diz que acha que o marido está virando homossexual. Margareth diz a Brito que ele está exagerando. Walter pede que Tomás investigue quem desviou dinheiro da fábrica. Manu pressiona Antonio e mais uma vez ele diz que não matou o pai dela. Beatriz diz a todos na produtora que Leo continua trabalhando com eles. Eurico mostra a placa da fênix para Pedro. Vilma diz a Tomás que resolveu o problema com Adeilson. Ele conta que Walter que investigar quem desviou o dinheiro da fábrica.

Vilma responde que nunca vão descobrir que foram eles que desviaram. Roberto diz a Walter para não deixar que Vilma contrate outro fornecedor de comida. Andressa recebe Demorô e Lincon no reformatório. Dionísio conta à Tuquinha que descobriu onde a filha dela está. Tuquinha fica chocada ao saber que a filha está presa por homicídio. Rose diz a Guilherme que Brito está dando em cima de Ricardo. Guilherme explica que Brito está desconfiado que ela está tendo um caso com Ricardo e, por isso, quis virar um metrossexual. Arlete fala para Tuquinha conversar com a filha. Dionísio conta à Ivonete que sua mãe está presa. Demoro explica para Andressa o que aconteceu e pede que ela o ajude a sair do reformatório. Rose chega em casa e diz a Brito que está apaixonada por ele e pede que ele pare de se cuidar tanto. Lincon enfrenta os outros meninos do reformatório. Lincon ameaça Andressa com uma faca. Beatriz diz a Marreta que quer fazer parte da gangue e diz que se eles não aceitarem, ela conta o que sabe para a polícia. Eurico diz a Walter que ficou comprovado que a assinatura na apólice de seguro é dele.

Capítulo 32, terça 12 de abril

Walter diz para Eurico, Pedro, Arlete e Carolina que não fez seguro extra para a fábrica. Pedro diz que a assinatura é dele. Walter diz que nunca falsificaria sua assinatura e muito menos colocaria fogo na fábrica para receber o seguro. Arlete defende Walter. Eurico diz que Walter é suspeito. Arlete diz que alguém está querendo incriminar Walter. Beatriz pergunta para Antônio se eles não a aceitarem na gangue, ela vai contar para a polícia sobre o álibi que eles usaram na morte de Lagarto. Manu diz que ela tem que pichar um muro perto da delegacia. Andressa é pega como refém no reformatório. Demoro diz para Lincon largá-la. Demoro bate em Lincon. Andressa foge. Lincon dá uma facada em Demoro e é rendido pelos funcionários. Walter diz para Carolina que vai provar que Antônio é culpado e que Pedro está tentando acobertar o irmão. Tuquinha fica chocada com a notícia de que Walter pode ter falsificado a apólice de seguro da fábrica. Vilma se diverte com Tomás, rindo do desespero de Walter. Vilma diz que é a hora de Tomás consolar Carolina.

Docinho conversa com Roberto, que reclama que ela está atrasada. Andressa conta o que aconteceu no reformatório. Docinho fica preocupada. Roberto diz para Docinho que quer se casar com Andressa. Margareth e Gildete combinam de descobrir quem é o amor secreto de Roberto. Andressa diz para Demoro que o diretor colocou Lincon na solitária. Andressa diz que pode ajudá-lo, mas precisa conhecer a família dele. Demoro diz que não tem família. Tomás consola Carolina. Guga combina com Vivi e Cintia de ir a cachoeira. Guga diz que vai escondido de Vilma. Cintia diz para Vivi que quer se perder com Guga na reserva para beijá-lo. Vivi diz para Cintia voltar antes do anoitecer. Vilma conta para Dionísio que Walter falsificou o laudo e é o culpado. Beatriz chega para pichar o muro. Antonio tira fotos de Beatriz pichando. O segurança vê a gangue e corre atrás deles. Beatriz tropeça e cai. Antonio pára para ajudar. Beatriz e Antônio se escondem. Ivonete conta para Pedro que Dionísio encontrou a mãe dela e que Tuquinha ficou mal a notícia.

Ivonete diz que Lourdes foi presa por homicídio. Vilma chega à cabana de Miguel diz que eles têm que comemorar porque agora existem provas concretas de que Walter colocou fogo na fábrica. Miguel pergunta se foi Vilma que colocou fogo na fábrica. Ela confirma. Miguel pega Vilma pelos braços e diz que ela é doente. Ela diz que colocou fogo na fábrica para esconder os desvios que ela e Tomás fizeram na fábrica. Ele chama Vilma de ladra. Pedro diz para Carolina que eles não podem deixar as acusações contra Walter interferir no namoro deles. Ivonete vai até a casa de Tomás e diz que quer mais provas contra Walter para vingar a morte de Wallace. Beatriz chega e Tomás muda o discurso na frente de Ivonete dizendo que não acredita na culpa de Walter. Ivonete não entende nada e sai chorando. Beatriz diz para Tomás que ele foi duro demais. Lipe obriga a Isabel a fazer fotos sensuais. Ela não aceita e pede para ir embora. Ele diz que se ela contar para alguém, vai se arrepender. A mãe de Lipe aparece e pergunta por que Isabel saiu correndo. Manu fala para Marreta que desconfia que Antônio matou o pai dela. Walter vai até a pensão de Tuquinha. Furiosa ela pergunta se foi por dinheiro que ele colocou fogo na fábrica e matou Wallace.

Capítulo 33, quarta 13 de abril

Walter diz para Tuquinha que nunca na vida dele deixou que o dinheiro fosse mais importante que as pessoas. Ele jura que não colocou fogo na fábrica. Manu pressiona Marreta, que diz que não sabe se Antonio matou seu pai. Marreta diz que ama Manu. Ela diz que é só amiga dele. Vivi, Cintia e Guga passeiam pela reserva. Cintia quer a atenção de Guga, mas ele só olha para Vivi. Pedro diz para Arlete que ama Carolina. Arlete diz que não dúvida do amor dele, mas inconscientemente ele está tentando incriminar Walter para livrar Antônio. Carolina diz para Beatriz que tem medo de Pedro não aguentar a pressão. Beatriz diz para Carolina que Ivonete foi na casa dela falar com Tomás. Beatriz diz que Tomás defendeu Walter. Tomás vai atrás de Ivonete e pede desculpas pelo que ele fez na frente de Beatriz. Ela diz que ele a tratou como um vira-lata. Tomás diz que ama Ivonete e vai fazer tudo para provar que Walter é o culpado pelo incêndio. Guga pergunta para Cintia onde está Vivi. Cintia segura no braço de Guga e diz que eles vão até a cachoeira. Um cliente tenta invadir a casa de Andressa. Docinho a protege. Cintia beija Guga ele diz que está apaixonado por Vivi.

Dionísio procura Tuquinha para falar sobre Lourdes. Guga diz para Vivi que eles estão perdidos. Brito diz para Ricardo que estava com ciúmes dele porque achava que ele tinha um caso com Rose. Guilherme procura Michele na produtora. Ela não aceita falar com ele. Cintia liga para Vivi e diz que ela e Guga estão perdidos na mata. Vivi conta para Pedro que Guga e Cintia estão sozinhos na mata. Pedro avisa Eurico, que chama Cazé e Júnior para resgatarem Guga e Vivi. Cintia conta para Guga que queria se perder com Guga para ficar com ele. Guga se irrita. Dionísio conta para Vilma que Guga está perdido na mata. Gildete e Margareth seguem Roberto no carro do Brito. Pedro, Cazé, Eurico e Júnior chegam até a casa de Miguel. Cintia dá de cara com um caçador. Eurico escorrega. Junior o segura e tira o pai do barranco. Vilma provoca Carolina dizendo que a situação de Walter é grave. Pedro chama Eurico pelo rádio e diz que encontrou Guga e Cintia. Eurico agradece. Junior fica com raiva da atenção de Eurico com Pedro. Pedro apresenta Miguel para Guga e Cintia. Guga fica empolgado em saber que Miguel mora em uma cabana na mata. André tem um sonho com Suelen e Carla. Ele sonha que está sendo torturado por elas, que usam roupas eróticas. André acorda assustado. Guga chega à casa de Pedro e pede desculpas para Vilma. Carolina tenta acalmar Vilma, que diz que vai internar Guga.

Capítulo 34, quinta 14 de abril

Vilma diz que Guga vai para um colégio interno. Carolina defende Guga. Vivi assume a culpa. Vilma chama Vivi de marginal. Vilma e Pedro discutem. Suelen vê André bebendo água com muita vontade e diz que ele está com calor por causa da comida afrodisíaca de Ivonete. Suelen vai beijar André, mas Carla aparece. Catarina diz que o tempero de Ivonete é forte. Tuquinha diz que vai proibir Ivonete fazer comida afrodisíaca. Ivonete diz para Suelen que vai fazer um prato afrodisíaco para Pedro. Guilherme desabafa com Brito dizendo que pediu desculpas para Michele, mas que ela não aceitou. Brito sugere que Guilherme faça uma serenata para Michele. Vilma diz que Guga precisa ser internado. Guga diz que Vilma o odeia. Ela diz que Guga tem mania de perseguição. Tomás diz que o colégio interno vai ser uma boa para Guga. Beatriz discute com Vilma e diz que ela nunca deu amor para os filhos. Walter diz à Arlete que o namoro de Carolina com Pedro foi a pior coisa que aconteceu na vida dele. Antônio diz que Beatriz tem fibra e por ele ela está na gangue. Marreta diz que tem mais duas provas para ela ser aceita. Manu diz que a próxima prova será um racha entre ela e Beatriz.

Miriam verifica a temperatura de Lipe com o termômetro. Ele chama a mãe de burra e ela não entende porque Lipe é tão mal educado com ela. Miriam diz para Lipe que se o pai dele tivesse vivo ele não seria mal educado. Lipe diz que graças a Deus o pai dele morreu, porque o pai abusava dele. Miriam sai do quarto chorando. Vivi pede para Carolina falar para Pedro diminuir o castigo dela. Guga diz à Darlene que vai fugir de casa e que é melhor que ela não chame ninguém. Guga foge. Carolina diz para Walter que ele tem mania de perseguição com Pedro. Eles discutem. Diego escuta Beatriz falar que vai tirar um racha com Manu. Diego conta para Tomás. Tomás diz que vai chamar a polícia para dar um susto em Beatriz. Guga chega à cabana de Miguel e conta que ele fugiu de casa porque Vilma quer colocá-lo em um colégio interno. Brito diz para Margareth que achava que Roberto era gay. Gildete diz que Roberto não é gay, porque tem uma amante secreta. Chumbinho diz para Demoro que ele terá que fazer alguns favores para entrar na turma dele ou vai apanhar todos os dias no reformatório. Andressa diz para Docinho que tem que ir para o reformatório, porque está preocupada com Demoro. Roberto lembra que Demoro é amigo de Carolina. Vilma vai à casa de Pedro à procura de Guga e diz que vai chamar a polícia.

Pedro manda Vilma ir embora. Ela aceita, mas diz que vai fazer a família dele pagar por se meter com os parentes dela. Tomás diz para Carolina que Beatriz está envolvida com a gangue do ferro-velho. Ele a convida para almoçar em Tinguá e ela aceita. Tomás liga para Ivonete e diz para ela arranjar um jeito de levar Pedro flagrar Tomás e Carolina juntos. Tomás diz que ama Ivonete, mas tem que casar com Carolina. Ivonete vai até a casa de Pedro e o chama para almoçar em um restaurante. Pedro hesita, mas acaba cedendo. Miguel deixa Guga sozinho e liga para Vilma. Ele diz que está com Guga. Miguel diz que Guga é um bom menino. Vilma diz que vai buscar Guga. Miguel diz para ela não ir. Carolina e Tomás chegam ao restaurante. Tomás diz que ainda ama muito Carolina. Ela diz que está namorando Pedro. Tomás diz que espera o quanto for necessário para ficar com ela. Tomás e Ivonete se entreolham. Andressa encontra Demoro desmaiado no reformatório. Demoro diz que o diretor o mandou limpar o dormitório e o banheiro. Vilma chega gritando na cabana de Miguel. Miguel diz que não vai deixar Guga ir embora. Vilma diz que vai chamar a polícia e denunciá-lo. Tomás conversa com Carolina sobre Beatriz. Tomás faz um gesto para Ivonete e ela dá um beijo em Pedro. Tomás diz para Carolina que Pedro está no restaurante. Carolina se virá e vê Ivonete beijando Pedro.

Capítulo 35, sexta 15 de abril

Carolina vai na direção da mesa de Pedro e Ivonete. Tomás sorri. Pedro está se livrando do beijo de Ivonete quando Carolina chega. Carolina diz que jamais cairia em um ‘planinho’ tão ingênuo. Ela pergunta para Tomás se ele estava metido no ‘plano’. Tomás nega. Pedro sai com Carolina e manda Ivonete os respeitar. Vilma manda Miguel entregar Guga ou ela o entregará para a polícia. Miguel propõe um acordo: que Vilma deixe Guga com ele por alguns dias e, logo em seguida, ele voltará para casa. Vilma beija Miguel e aceita o acordo. Docinho termina de passar a blusa de Roberto, que pergunta o que pode fazer para Andrezza casar com ele. Vilma pergunta se Suelen conseguiu localizar Tomás, que não atende o telefone porque está com Ivonete. Pedro e Carolina estão se beijando quando Vivi bate na porta e pergunta pela bombinha de Rafa. Pedro corre para atender Rafa. Eurico confirma para Junior que acredita que os incêndios são planejados por um piromaníaco. Rafa melhora. Leo entrega um ramalhete de flores para Michele. Ela lê o cartão e devolve para Leo, já que foram enviadas por Guilherme.

Marreta diz para Antonio que é melhor confessar para Manu que matou o pai dela. Marreta pergunta para Antonio onde está o corpo. Antonio quase vai falar, mas Manu aparece e diz que a mãe cortou sua mesada. Michele pergunta para Beatriz se ela vai levar adiante o projeto do programa de culinária com Brito. Gildete e Margareth se escondem para que Roberto não as veja. Roberto sai do prédio. Margareth enrolam o porteiro e chegam ao apartamento 601. Docinho atende a porta. Gildete olha incrédula. Margareth pergunta se Docinho conhece um homem chamado Roberto. Docinho diz que sim e que Roberto é maravilhoso. Margareth vai começar a falar quando Gildete tapa sua boca. Margareth chora. Docinho não entende nada. Vilma conta para Tomás que Guga fugiu de casa, mas que ela já descobriu que ele está com Miguel. Ela avisa que vai resolver a situação e que Tomás não deve se meter. Chumbinho diz que Lincon foi liberado e vai voltar para o dormitório. Demorô avisa que não traiu Lincon. Roberto diz à Carolina que Demorô se meteu com um bandido e tentou assaltar uma senhora. Carolina não acredita. Lincon tenta bater em Demorô, mas Chumbinho lhe dá um soco. Os outros internos também partem pra cima de Lincon. Demorô tenta apartar a briga e acaba apanhando também. O diretor aparece e avisa que eles ficarão trancados no dormitório. Carolina vai ao reformatório.

Walter diz para Tomás que jamais colocaria fogo na fábrica e que torce para Carolina voltar para ele. Andressa pede para o diretor isolar Demorô dos outros internos. O diretor diz que não pode dar tratamento diferenciado para ninguém. Zuleika pede desculpas para Lipe por Isabel não ter terminado a sessão de fotos. Lipe mostra uma pulseira que comprou para Isabel. Zuleika garante que vai convencer Isabel a terminar de fazer as fotos. Margareth conversa com Brito sobre Roberto. Gildete diz para Arlete que vai contar pra todo mundo sobre Docinho e Roberto. Lipe diz à Isabel que ficou feliz em saber que ela não revelou o ‘segredo’ deles. Lipe pega a mão de Isabel. Miriam abre a porta na hora e fica chocada. Isabel corre. Miriam diz que Lipe é um monstro e parte para bater nele. Lipe diz que puxou ao pai. Só que ele gosta de meninas e não de menino. Miriam sente uma forte dor no peito e cai no chão. Lipe socorre Miriam, que está morta. Cazé e Guilherme se preparam para a serenata. Michele joga as flores que recebeu de Guilherme na cabeça dele. Guilherme diz que a ama. Michele grita um sonoro ‘Não!!!!!’ para os apelos de Guilherme. Ela desequilibra e acaba pendurada. Guilherme fica desesperado. Manu diz para Pedro que Antônio pode ter se metido em um assassinato.

Receba nossas notícias direto no seu WhatsApp! Envie uma mensagem para o número (32) 99125-5754 ou pelo link https://wa.me/5532991255754

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo