Resumo da novela Porto dos Milagres – 01/07 a 06/07

Confira o resumo dos próximos capítulos da novela Porto dos Milagres (de 01 de julho a 06 de julho), exibida pelo Canal Viva, e fique por dentro dos principais acontecimentos desta semana.

Capítulo 115 – segunda-feira, 01 de Julho

Guma acusa Lívia de jamais ter terminado com Alexandre. Lívia puxa Guma pelo ombro, rasgando a sua camisa. Os dois descem as escadas discutindo, chamando a atenção de todos no bar.

Os dois se atracam, se xingam e são separados. Rodrigo e Dulce ficam chateados ao saber que a fiscalização não deu em nada. Rodrigo pede que Judith reúna todas as mães, cujos filhos adoeceram no riacho. Félix garante a Adma que dará um presente inesquecível de casamento a Rodrigo e Dulce.

Esmeralda ouve Guma dizer que vai esquecer Lívia e conta tudo para Alexandre. Leontina e Lívia aceitam o convite de Alex para jantar. Rita fica agoniada ao saber que Selma está doente, mas decide cuidar do marido. Otacílio exige que Dulce desista da ação. Félix vibra ao receber o dossiê sobre Rodrigo e jura vingança.

Capítulo 116 – terça-feira, 02 de Julho

Dulce reage à ordem de Otacílio. Adma se ressente porque Félix não deixa que ela leia o dossiê, além de sair avisando que não tem hora para voltar. Ela desabafa com Eriberto, que tenta se aproximar, mas é repudiado.

Amapola apoia o marido, mas Dulce permanece firme em fazer um protesto na porta da fábrica e permanecer com a ação. Félix procura Rosa e ela pede que ele a espere no quarto. Jesuel e Docinho registram a entrega da chave do quarto. Rita dá para Guma o anel que um dia Bartolomeu entregou para Arlete, e que Frederico encontrou com o bebê.

O pescador promete guardar a última lembrança de seus pais. Otacílio acusa Rodrigo de ter feito a cabeça da irmã. Luiza pede para ficar na casa de Fred. Genésia vê a camisola vermelha passar sem ninguém dentro, dá um grito de pavor que ecoa na cidade e desmaia. Félix beija Rosa cheio de desejo. Alexandre, Leontina e Lívia correm pelas ruas de Porto e quase atropelam Guma.

Capítulo 117 – quarta-feira, 03 de Julho

Guma parte para cima de Alex com violência. Ele não reage, para aproveitar a situação. Lívia se coloca no meio dos dois. Leontina grita por socorro. Rosa não resiste aos carinhos de Félix e se rende. Guma e Lívia se agridem com palavras.

Alexandre consola a jovem. Esmeralda assiste a tudo de longe e vibra ao ver Guma ir embora magoado. Adma anda de um lado para o outro solitária. Deodato confirma que a porta do armário está aberta e que a camisola vermelha sumiu. Genésia decide chamar um exorcista.

Beatriz topa esconder Luiza em se quarto. Esmeralda se senta ao lado de Guma na praia, fala docemente com ele e os dois acabam se beijando.

Capítulo 118 – quinta-feira, 04 de Julho

Esmeralda aumenta as carícias, garante que se guardou para ele e os dois se amam. Alexandre aumenta a paranóia de Adma. Jesuel e Docinho fofocam sobre Félix e Rosa. Leontina aconselha Lívia a conversar com Guma. Félix chega em casa exausto e vai dormir.

Adma acaricia um revólver que está escondido. Depois pede a Eriberto que sonde para saber se o marido esteve com Rosa. Rodolfo visita Selminha e surpreende-a de óculos lendo O Príncipe Desconhecido. Guma acorda e não sabe como agir com Esmeralda. Dulce e as iaôs acabam os cartazes e faixas para a passeata. Francisco melhora e manda Rita embora. Rufino fica abismado quando sabe que Selma é filha de Rita.

E Venâncio também fica surpreso, ao ouvir a conversa entre Judith e Belmira. Luiza escuta Amapola falar sobre a irmã quenga e fica arrasada. O povo do cais sai em passeata contra a poluição causada pela fábrica de Félix.

Capítulo 119 – sexta-feira, 05 de Julho

Cinegrafistas e fotógrafos registram a passeata contra a poluição. Félix fica indignado ao saber do movimento, especialmente porque tem um encontro na fábrica com empresários japoneses. Quirina tenta receber os seus salários atrasados, sem sucesso.

Adma promete a Amapola que vai tentar interceder por Otacílio. Rufino tenta convencer Chico e Luiza a perdoarem Rita. Félix leva os japoneses para visitar a fábrica, mas quer partir rapidamente para fugir do encontro com os manifestantes. Rosa aconselha Selma a perdoar a mãe. Rufino conversa carinhosamente com Rita.

Rodrigo sabe da delegação e manda todos apertarem o passo. Guma vai buscar Selma para que ele dê uma declaração para a imprensa. Esmeralda avisa à Lívia que Guma agora é seu homem. Selminha fica indecisa. A manifestação chega, enquanto os japoneses ainda estão na fábrica.

Capítulo 120 – sábado, 06 de Julho

Esmeralda deixa Lívia balançada. Os empresários japoneses ficam muito impressionados com as palavras de ordem que falam de poluição e corrupção. Otacílio tenta negociar com Dulce, sem sucesso. Rufino vai procurar Selminha. Félix resolve discursar.

Oswaldo condena o trabalho do filho. Alfeu bajula Augusta, convida-a para um café e deixa escapar que Genésia herdou uma fortuna. Ondina se encontra com Rosa e se surpreende ao saber que o filho de Bartolomeu é sobrinho dela. Guma chega à manifestação com Selma nos braços. Amapola chama Luiza para uma conversa.

Félix começa a fazer um discurso para os manifestantes. Otacílio e Alexandre tentam tirar os japoneses da fábrica disfarçadamente. Dulce percebe e dá o alarme. Guma enfrenta o prefeito apontando Selma como uma de suas vítimas. Ela desmaia nos braços de Félix e os flashes disparam.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo