Nova fase da operação “Migro” é realizada na região



Nesta terça-feira (20), a Polícia Civil de Minas Gerais, em ação conjunta com as Polícias Militar e Rodoviária Federal, deflagra, na área do 4º Departamento de Polícia Civil em Juiz de Fora (4º DEPPC), mais uma fase da operação “Migro”, iniciada desde fevereiro, com a finalidade de montar postos de fiscalização nas principais vias de acesso entre os estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais. A ação foi desencadeada após a decretação, pelo Governo Federal, da intervenção na segurança pública do Rio de Janeiro.

Os policiais atuam nas rodovias das cidades de Matias Barbosa, Simão Pereira, Rio Preto, Chiador, Leopoldina, Além Paraíba, Pirapetinga, Muriaé, Palma e Tombos, bem como nos terminais rodoviários das principais cidades pertencentes às Delegacias Regionais de Viçosa e de Ubá.




1ª fase foi realizada em fevereiro

A primeira fase foi realizada no dia 23 de fevereiro pela PCMG – em ação conjunta com as Polícias Militar, Rodoviária Federal e apoio de agentes da MRS Logística. Os policiais atuaram em 11 postos, mais precisamente nas diversas áreas das Delegacias Regionais de Polícia Civil em Juiz de Fora (Simão Pereira, Matias Barbosa, Chiador e Rio Preto), em Leopoldina (Leopoldina, Além Paraíba e Pirapetinga) e em Muriaé (Palma, Tombos e Eugenópolis). Também foram realizadas vistorias em todos os vagões das locomotivas vindas do Rio de Janeiro, inclusive com a atuação de drones da Polícia Civil.

Fonte: PCMG

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.