Preso envolvido na tentativa de assalto que terminou em morte de PM de Muriaé



Um assaltante envolvido na tentativa de assalto que terminou em troca tiros com policiais militares de Minas Gerais na manhã desta sexta-feira (26), em Itaipava, balneário de Itapemirim, foi preso após dar entrada no pronto socorro da Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim.

De acordo com a Polícia Militar, após o crime, o suspeito fugiu de moto para Piúma, de onde seguiu para Cachoeiro. Baleado na costela, o rapaz procurou ajuda na Santa Casa. A equipe médica acionou a PM que deu voz de prisão ao suspeito. Ele não corre risco de morte e segue internado sob escola policial.

O crime




Um homem identificado como Jonathas Ayres Severo da Silva, vulgo “Alto Falante”, morreu ao tentar assaltar e trocar tiros com dois policiais.

De acordo com a Polícia Militar, por volta das 9h30, dois homens a bordo de uma motocicleta abordaram o condutor de um carro e anunciaram o assalto. O motorista e o carona, que são irmãos, moram em Muriaé e trabalham como policiais militares no Rio de Janeiro, reagiram e trocaram tiros com os criminosos.

Jonathas foi atingido pelos tiros e morreu no local. Seu comparsa, mesmo baleado, conseguiu fugir com a motocicleta. Os dois policiais também se feriram e foram socorridos para o hospital do município. Um deles, identificado como Boanerges do Bem Brandão, 34 anos, atingido no pescoço, não resistiu e morreu. Outros familiares dos policiais que também estavam no carro não se feriram.

Segundo os familiares dos policiais, eles estão na cidade de Itapemirim há duas semanas e no momento do crime estavam indo para Guarapari.

Fonte: Aqui Notícias

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.