Municípios do noroeste do Rio vão receber moderno tratamento de lixo

Minc participou de Conferência Regional de Meio Ambiente no Noroeste Fluminense (Foto: Luiz Morier)

Com o apoio da SEA, as prefeituras do Noroeste Fluminense estão implantando duas Centrais de Tratamento de Resíduos (CTRs) para dar uma destinação adequada a todo o lixo urbano produzido na região. Além da iminente inauguração da CTR de São Fidélis – atendendo aos municípios de São Fidélis, Cardoso Moreira, Itaocara, Santo Antônio de Pádua, Aperibé, Cambuci, Italva e Miracema –, em breve será entregue a CTR de Itaperuna, para receber o lixo de Porciúncula, Natividade, Varre-Sai, Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana, São José de Ubá e Laje do Muriaé.

A subsecretária de Meio Ambiente de Natividade e secretária-executiva do Conselho de Secretários Municipais de Meio Ambiente do Noroeste Fluminense (Cosemma/NF), Maria Inês Tederiche, disse que a iniciativa resolverá um sério problema da região, que é a disposição inadequada do lixo:

“Já existe o Consórcio do Noroeste Fluminense que abrange 15 municípios, sendo 13 do Noroeste Fluminense e dois da Região Norte do Estado – Cardoso Moreira e São Fidélis –, para a gestão de resíduos sólidos. Além disso, começa a ser implantado no Noroeste Fluminense a coleta seletiva. Há projetos-piloto em Porciúncula e em Bom Jesus do Itabapoana”, afirmou Maria Inês.

O secretário municipal de Meio Ambiente de São José de Ubá e presidente do Cosemma/NF, Bismarck José Ney, ressaltou que seu município está também incentivando a coleta seletiva, anunciando para setembro o início de sistema de recolhimento de lixo reciclável.

Fonte: G1

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Experimentoe o Novo Livre