Home / Notícias / Cidade / Caminhoneiros seguem com manifestações nas BRs 116 e 356, em Muriaé

Caminhoneiros seguem com manifestações nas BRs 116 e 356, em Muriaé


Os caminhoneiros continuam com as manifestações na manhã desta sexta-feira (25), na BRs 116 e 356, em Muriaé. A passagem de veículos de passeio e motocicletas continua liberado na BR 116, na altura do Bela Vista, e na BR 356, próximo ao SESC.

Embora o governo tenha anunciado na noite de ontem (24) um acordo com parte dos representantes da categoria para a suspensão do protesto por 15 dias, representantes dos grevistas negaram o acordo e querem que o movimento continue.

Pelas redes sociais, mensagens em áudio e vídeo começaram a circular logo após o anúncio do governo. “Não houve nenhum acordo. O governo pegou a assinatura de duas ou três entidades e soltou na imprensa que houve um acordo a fim de estabelecer uma trégua. E não houve acordo nenhum porque eu estava junto”, disse Baitaca, liderança dos caminhoneiros no Estado de Mato Grosso. Ele afirmou que a categoria não deu trégua ao governo porque duas das principais reivindicações não foram atendidas. Entre elas, a isenção de PIS-Cofins sobre combustíveis.




Após o quarto dia de paralisação dos caminhoneiros, foi registrada falta de alimentos e combustível em vários estados. Em Muriaé não foi diferente, a população fez filas nos postos de combustíveis, que estão com estoque zerado. A falta de combustível também alterou o funcionamento do transporte coletivo e até da coleta de lixo, que tiveram que ser racionados. Também falta gás de cozinha na cidade.

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (ABCAM), entidade que representa 700 mil caminhoneiros, deixou em aberto a possibilidade da greve continuar.

Fonte: Guia Muriaé

Confira também

Centenas de famílias muriaeenses ficam mais perto de receber escrituras de imóveis

Mutirão de Conciliação, realizado por meio de parceria da Prefeitura com instituições, facilitou acesso ao …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *