Câmara de Muriaé aprova projeto que beneficia população acamada com exames clínicos na residencia

Na sessão da Câmara desta terça, dia 18, foram aprovados três projetos, dentre eles o do vereador Ademar Camerino (PROS) que dispõe sobre a coleta domiciliar para realização de exames laboratoriais de pacientes acamados e/ou de difícil locomoção. Além disso, os vereadores ouviram o vice-prefeito Marcos Guarino que foi à Casa Legislativa levar ao conhecimento dos vereadores a denúncia que recebeu de funcionários da empresa responsável pelo transporte público de Muriaé.

Coleta de material para análises clínicas pode ser realizada na residência de acamados

De acordo com o projeto do vereador Ademar Camerino, o laboratório de análises clínicas conveniado com o município de Muriaé deverá fazer a coleta em residência para exames clínicos quando solicitado. Para comprovação da incapacidade de locomoção ao laboratório, o paciente ou seu representante deve apresentar atestado médico.

O projeto estipula ainda que a partir da publicação da lei, os laboratórios terão 60 dias para se adequarem no oferecimento deste novo serviço e deverão ter afixados em suas salas de atendimento, consulta e espera, cópias desta lei.

“Com este projeto esperamos contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos muriaeenses que se encontram em condição de imobilidade física ou de difícil locomoção, ofertando acesso seguro aos serviços de análises clínicas tão importantes para diagnósticos e tratamentos de diversas males”, explica o vereador Ademar Camerino.

Vice-prefeito Marcos Guarino apresenta denuncias contra empresa de ônibus

Na abertura da sessão, o vice-prefeito Marcos Guarino usou a tribuna para externar aos vereadores sobre diversas denuncias que recebeu de funcionários da empresa de transporte público de Muriaé de que estavam acumulando funções, trabalhando como motorista e trocador ao mesmo tempo e de que desde dezembro tem havido vários demissões de cobradores. Este tema foi um dos mais debatidos na sessão desta semana na Câmara de Muriaé.

Fonte: CMM


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo