Projetos aprovadas na Câmara Municipal



Projetos aprovadas na Câmara Municipal

Projeto de Lei aprovado pelos vereadores da Câmara Municipal, na reunião desta segunda-feira, dia 14 de maio, determina que a área compreendida pelas quadras A e B no loteamento denominado Chácara Lourdes, bairro São Pedro, seja reconhecida como Zona Comercial “3”. Tal perímetro urbano se localiza as margens da BR-356. O objetivo é ampliar à região de comércio para atrair novas empresas para Muriaé.




Projeto de Lei aprovado na Câmara Municipal nesta segunda-feira, dia 14 de maio, autoriza o município de Muriaé a doar terreno para o Ministério Público no bairro Boa Vista, ao lado do Tribunal Regional do Trabalho – TRT. A doação de terras tem como finalidade a construção de uma sede própria. O MP funciona nas dependências do Fórum Tabelião Pacheco de Medeiros e necessita de espaço mais amplo para fazer a defesa dos interesses sociais e individuais cumprindo o regime democrático e beneficiando a sociedade muriaeense com serviço gratuito.

Projeto de Lei aprovado pelos membros do Poder Legislativo de Muriaé determina que o município de Muriaé doe área para a Associação Mensagem de Esperança – AME. O órgão tem caráter beneficente social, educacional, de assistência, voltado para a reeducação de crianças e jovens e, ainda, à recuperação de dependentes químicos.

Fonte: Câmara Municipal

Últimas notícias em vídeo



Envie um comentário

 

Política de moderação de comentários

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o administrador do site pelo conteúdo do mesmo, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste site reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal/familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.