Polícia Civil esclarece quatro homicídios consumados em Juiz de Fora

blankA Polícia Civil de Minas Gerais esclareceu quatro homicídios consumados, ocorridos neste e no último ano, no município de Juiz de Fora.

Após apurações realizadas pela Delegacia Especializada de Homicídios, um mandado de prisão foi cumprido na quarta-feira (2) em desfavor de um rapaz de 24 anos. Também foi apurado que um jovem teria praticado atos infracionais análogos ao crime de homicídio, quando tinha 17 anos, na época dos fatos.

De acordo com informações do Delegado Rodrigo Rolli, a investigação apontou que o homem e o adolescente teriam participação no homicídio consumado, ocorrido no Bairro Granjas Três Moinhos, em 21 de fevereiro. Na ocasião, um jovem de 18 anos foi assassinado. “Representamos pela prisão do autor maior, que foi cumprida nesta semana, já o menor se encontrava acautelado no centro socioeducativo. Ambos negam a autoria, apesar de haver testemunhas veladas que reconheceram os indivíduos na cena do crime”, explicou, comentando que a motivação do crime estaria ligada a desavenças pessoais ocorridas no passado .

Ainda segundo a autoridade policial, apurações indicaram que o mesmo jovem estaria envolvido na morte de um homem, 44 anos, em novembro do ano passado, no momento em que a vítima trabalhava em um supermercado no Bairro Benfica, na Zona Norte. Os fatos foram apurados e teriam ocorrido como forma de retaliação pela morte do pai do jovem, ocorrida há anos. “Procedimento já foi concluído e encaminhado à Vara da Infância da Juventude, com o pedido de acautelamento dele”, contou.

Também já foi concluído o inquérito policial relacionado à apuração da morte de um homem de 29 anos. A vítima foi morta a tiros, próximo à Casa do Albergado. “Foi remetido à Justiça e cinco pessoas foram indiciadas. Também foi encaminhada uma cópia à Vara da Infância e da Juventude com o pedido de acautelamento do jovem. Os maiores já se encontram presos”, disse, informando que o crime teria sido cometido por conta de vingança.

Além desse caso, apurações indicam que o adolescente também teria praticado ato infracional análogo ao crime de homicídio, ocorrido no dia 13 de setembro do ano passado, quando um homem foi morto na Zona Norte da cidade. “Ainda há diligências a serem efetuadas em relação a esse caso e estão em andamento. Além do jovem, existem outros investigados”, concluiu.

Fonte: PCMG


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Experimentoe o Novo Livre