Home / Notícias / Governo / “Cota para drogados”: Deputado mineiro defende destinação de 10% de vagas em concursos

“Cota para drogados”: Deputado mineiro defende destinação de 10% de vagas em concursos

Deputado estadual Vanderlei Miranda durante o debate

O presidente da Comissão de Enfrentamento ao Crack, o deputado estadual Vanderlei Miranda (PMDB), defendeu, durante um ciclo de debates, a destinação de 10% de vagas em concursos públicos em Minas Gerais para usuários de drogas.




A sugestão surgiu a partir da escassez de investimentos públicos para os tratamentos de usuários de drogas no Estado e da alta taxa de ocupação das vagas públicas destinadas a esse tipo de abordagem. “Fomos muito cobrados de que o poder público não ajuda na reinserção de usuários de drogas. Sugeri isso ao governo, mas ainda não obtive resposta para decidirmos o que fazer”, afirmou o deputado em debate realizado na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Para Robert William, da ONG Defesa Social, que trabalha com o tratamento de dependentes químicos, o investimento deveria ser em vagas públicas de tratamento. “Em certo ponto, pode parecer bom (reservar empregos públicos para usuários de drogas), ajudando o dependente a se reinserir. Mas o principal é que o Estado invista em vagas públicas de tratamento”, frisou.

Números




Minas oferece 1.600 vagas de para tratamento de dependentes químicos – 96,34% das quais ocupadas, segundo a subsecretaria de Polícia Anti-Drogas – e pretende chegar a 3.000 mil, mas a expansão não tem data prevista.

Fonte: Guia Muriaé, com informações de O Tempo





Confira também

Projeto obriga uso de máscara em toda Muriaé e prevê multa para quem não usar

O vereador Dr. José Carlos (PSD) protocolou na Câmara Municipal de Muriaé um projeto de …

Um comentário

  1. Fico com vergonha de ser mineiro ao ver tamanha idiotice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Experimentoe o Novo Livre