Home / Notícias / Região / Cidades do noroeste Fluminense, próximas a Muriaé, enfrentam epidemia de dengue

Cidades do noroeste Fluminense, próximas a Muriaé, enfrentam epidemia de dengue

Cidades do noroeste Fluminense, próximas a Muriaé, enfrentam epidemia de dengue. Segundo levantamento da Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro, as cidades de Aperibé, Cambuci, Cardoso Moreira, Italva, Itaocara, Itaperuna, Miracema, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá, Porciúncula, Natividade, Bom Jesus do Itabapoana e Laje do Muriaé estão sofrendo epidemia de dengue.




Entre os critérios considerados para que um município entre em epidemia está o registro de mais de 300 casos por 100 mil habitantes, curva ascendente de transmissão da doença sustentada por três semanas ou mais consecutivas, com números acima do limite esperado para a localidade num determinado período de tempo. Diante do aumento de casos de dengue, a secretaria decidiu implantar, em parceria com as prefeituras, 46 Centros de Hidratação em 30 municípios do estado.

Fonte: Guia Muriaé, com informações do Primeira Edição




Confira também

Polícia Civil prende principal suspeito de homicídio em Guarani

Na última sexta-feira (13), a Polícia Civil de Minas Gerais prendeu em flagrante, em Guarani, …

Um comentário

  1. Prezados, Muriaé tambem enfrenta epidemia de dengue, mais aqui diferentemente do estado do RJ, estamos abandonados e nem registro oficial existe para termos dados estatisticos. a verdade é que os laboratórios estão trabalhando em seus limites para fazer os exames da populaçao, nossos médicos estao despreparados para diagnosticar e pedir os exames corretos, na tentativa de tampar o sol com pineira e dizer que ta tudo bem a populaçao esta se curando como pode a margem do cuidado e respeito por parte do poder publico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *