Passagem da Tocha Olímpica por Muriaé ganha repercussão nacional

O revezamento da Tocha Olímpica passou nesta segunda-feira (16) por Muriaé e atraiu grande público, que acompanhou o percurso da chama que começou na Barra e seguiu em direção a região central da cidade.

Durante cerca de uma hora, 19 pessoas conduziram a tocha olímpica ao longo de um percurso de 4,5 km. Durante todo percurso, milhares de pessoas vibraram com a passagem do símbolo olímpico, que parou no Grande Hotel Muriahé para uma rápida cerimônia. O campeão olímpico Giovane Gávio também participou do tour da tocha no município, desfilando em carro-aberto de um patrocinador das Olímpiadas Rio 2016.

Desde a chegada a cidade, uma grande equipe de imprensa do Comitê Olímpico registrou a passagem da chama da Tocha Olímpica no município. Todo o percurso foi gravado por profissionais da Globo e do canal a cabo SporTV, que deverá produzir um documentário sobre a passagem da chama olímpica pelo solo brasileiro.

Diversos telejornais destacaram a passagem da tocha olímpica por Muriaé. A Globo fez uma reportagem especial de quase dois minutos sobre a passagem da chama pela cidade. “Esse é um marco histórico, quando nossa geração verá isso novamente?”, perguntou a estudante Livia Silva.

Entre os condutores da tocha olímpica, quem fez grande sucesso foi o dançarino e professor Diones Henriques Castro (foto), que foi tema de uma entrevista especial da Globo. A alegria e entusiamos dele contagiou o público durante a condução da chama pela Rua Coronel Marciano Rodrigues, no Centro, e também chamou a atenção da cobertura ao vivo da Globo e do SporTV. “Diones ensaiou passos de balé e fez piruetas durante o percurso, tendo a chama como parceira”, destacou o site Globo Esporte, da Rede Globo.

A Agência Minas ainda destacou o fato da passagem acontecer justamente no dia em que a cidade completava 161 de emancipação político-administrativa e ainda uma intérprete que utilizou a Lingugagem de Sinais para transmitir informações às pessoas durante a cerimônia no Grande Hotel Muriahé.

Ao término do percurso, a chama seguiu para Itaperuna, passou por Bom Jesus do Itabapoana e terminou o dia em Itapemirim (ES).

Nesta terça-feira (17), a Tocha Olímpica seguiu por solo capixaba, passando por Guarapari, Vila Velha e Vitória.

Muriaé foi uma das 330 cidades brasileiras por onde a chama olímpica irá passar. O revezamento começou em Brasília, no dia 3 de maio.

Fonte: Guia Muriaé


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo