Personalidades de Muriaé – Dr. Jésus Ferreira Varella

Nascido na cidade de Ubá, em 04 de novembro de 1879, Jésus Ferreira Varella era filho de Francisco Ferreira Varella e Dona Maria Cândida da Conceição Varella.

Casou-se com Dona Violeta Dias Cardoso Varella em São Manoel, hoje Eugenópolis, em 30 de novembro de 1907, com que teve 2 filhas: Maria de Lourdes Varella Mauri e Maria Cândida Varella Cascardo.

Mudou-se para Muriaé onde trabalhou como Advogado e como professor do antigo Atheneu São Paulo onde lecionou por muitos anos. Trabalhou também no Fórum local como Juiz Municipal.

Como Juiz Municipal de Muriaé revelou-se um jurista competente, criterioso e um juiz imparcial e honesto. Erudito, pesquisador infatigável, em 1915 preferiu abandonar a magistratura e entrar para a Promotoria Pública para consagrar-se à advocacia, militando na causa da justiça, da qual foi extremo defensor, um advogado esforçado e diligente que usava qualidades como honestidade, inteligência e cultura para nortear suas atuações no Fórum.

Foi promovido ao cargo de Juiz de Direito da cidade de Jequitinhonha. Mais tarde foi transferido para Leopoldina e novamente para Muriaé ficando aqui boa parte de sua vida.

Morou inicialmente na Praça José Henrique Hastenreiter e depois na esquina da Rua Olavo Tostes com Rua Barão de Monte Alto.

Quando deixou Muriaé para atuar na cidade de Leopoldina em 1919 seus amigos fizeram um baile de despedida, no dia 03 de abril, no salão nobre da prefeitura que foi artisticamente ornamentado e iluminado. Não faltaram discursos emocionados em agradecimento à sua atuação na comarca de Muriaé. Em Leopoldina também abriu escritório de advocacia com o Dr. Ribeiro Junqueira e lecionou latim no Ginásio Leopoldina.

Novamente em Muriaé em 1935, e de novo como Juiz de Direito, transferiu-se depois para Cataguases, onde ficou pouco tempo, pois ficando doente gravemente, seguiu para o Rio de Janeiro em busca de maiores recursos médicos, aonde veio a falecer, em 08 de julho 1951.

Dos magistrados que na Comarca de Muriaé ocuparam o cargo de Juiz de Direito, foi o Dr. Jésus Varella daqueles que mais se destacaram e mais amigos e admiradores fizeram em nosso meio social. Para isto não só contribuíram seus incontestáveis dotes de cultura e amabilidade na convivência com os seus colegas de Foro, mas também pelo fato de nenhuma outra autoridade haver, como ele, por duas vezes exercido cargos judiciários na Comarca.

Em 1971, pela Lei nº 0516 uma rua do Aterro foi denominada RUA JUIZ JESUS VARELLA.

Fonte: João Carlos Vargas e Flávia Alves Junqueira / Memorial Municipal


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo